Fernando Machado

Blog

Notícias da Bahia

Em busca de atrair novos turistas e inserir o Estado da Bahia definitivamente no circuito do turismo GLS (gays, lésbicas e simpatizantes), segmento que movimenta somente nos Estados Unidos cerca de US$ 54 bilhões por ano, o secretário de Turismo, Domingos Leonelli e a presidente da Bahiatursa, Emília Salvador Silva, abriram oficialmente segunda-feira o Curso de Capacitação de Atendimento em Turismo para Público GLS. Segundo o Ministério do Turismo Salvador, Rio, Florianópolis e São Paulo são considerados destinos gay-friendly no Brasil.

bahia-jota-freitas
A reunião para o curso de capacitação (Foto: Jota Freitas)

A primeira turma formada conta com 39 pessoas, que participarão de cursos com 40 horas de duração. A capacitação – feita em parceria com a Universidade do Estado da Bahia (Uneb) – é voltada para profissionais como recepcionistas, camareiras, porteiros, manobristas, mensageiros, seguranças e proprietários de estabelecimentos. Os cursos fazem parte do projeto A Bahia é Muito Mais, que prevê, para este ano, investimentos e R$ 1,1 milhão em ações de qualificação profissional.

0

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.