Fernando Machado

Blog

Vernissage de Bruno Vilela

A produção dos artistas contemporâneos tem ocupado, nos últimos anos, os nossos principais espaços expositivos, mudando literalmente a paisagem mais conservadora de salões de museus e galerias de Recife e Olinda. Trata-se, sem dúvida, da inserção de um novo conceito de arte focado nas contradições do homem contemporâneo.

z-bruno-vilela-galerista-mariana-moura
Mariana Moura e Bruno Vilela (Fotos: Zilton Antunes)

Dentro dessa nova onda, Bruno Vilela expõe no Museu do Estado de Pernambuco 17 quadros narrando o sutil desconcerto entre o quê eleva e o quê destrói sob o título O céu do céu, ressaltando ainda “coisas que proporcionam os maiores prazeres também podem acabar com uma vida”. A curadoria da mostra ficou a cargo do crítico de arte Bitú Cassundé. Também tivemos o lançamento do 5º número da revista sobre arte Tatuí, editada por Larissa Diniz e Ana Luisa Lima. A exposição ficará aberta à visitação até o próximo dia 26.

z-christoph-glasner-luciano-h-carneiro-jonas-dias-da-silva
Christoph Glasner, Luciano H. Carneiro e Jonas Dias da Silva

Tout du monde de cultuadores da arte contemporânea marcou presença no vernissage quinta-feira, quando destacamos Mariana Moura, Lúcia Santos, Rodrigo Braga, Lourival Cuquinha (regressando de sua residência artística, em Londres), Christina Machado, Kilian Glasner, Clarissa Diniz, Ericson, Renato Valle, Elisângela das Palafitas, Carlos Pragana, Rinaldo Carvalho, Izidório Cavalcanti (com exposição na Dumaresque), Carlos Mélo, Bruno Uchoa, Isa Pontual, Murilo Santiago, José Paulo, Nicola Suntanum, Sônia Bierbard, Sílvio Belém, Lucienne Filizola, Tião Rivaldo, Cinara Gusmão, Felipe Querette, Beto Azoubel, Adélia Barros, Danielle Glasner, Christoph Glasner, Luciano Carneiro, Jonas Dias da Silva, Zilton Antunes, Joana Sobral, Adriana Coutinho e Carla da Fonte.

0

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.