Fernando Machado

Blog

Réquiem para Marisa Urban!

O mundo do glamour nem sempre é tão maravilhoso assim. Mariza Siqueira Vieira Pinto, mais conhecida como Marisa Urban, brilho muito na televisão, nas passarelas, no cinema e no teatro, nos anos entre os anos sessenta oitenta. Em 1991 se retirou de cena e a mídia se esqueceu dela. Pois Marisa Urban faleceu, aos 82 anos, no dia 18 de agosto deste ano e somente quase um mês depois a imprensa tomou conhecimento. A internet não foi suficiente para comunicar o fato. Marisa Urban nasceu em São Paulo, em 19 de outubro de 1938.

A classe de Marisa Urban (Foto: Revista Manchete)

Foi Aeromoça de linha internacional, atriz, apresentadora e jurada de televisão, modelo, estudou Medicina na Inglaterra, foi campeã de natação pelo Botafogo e campeã de voleibol pelo Flamengo, além de falar cinco línguas. Passou por momentos terríveis, como a morte do filho caçula Marcelo, em 19 de janeiro de 1991, devido a um acidente de moto. Quase um mês depois seu filho Christian Robert Urban suicidou-se, aos 28 anos, no Rio de Janeiro. A partir daí ela se retirou dos holofotes.

Marisa Urban em dois momentos (Fotos: Revista Manchete)

Mariza Urban era viúva do Oficial da Marinha Norte-Americana Urban, com quem teve dois filhos: Erik Nils Christian Urban e Christian Robert Urban. Foi casada com um armador chileno, namorou com o cantor Geraldo Vandré, com o pintor Luiz Jasmim, com o arquiteto Carlos Henrique do Amaral Peixoto, com o jornalista Tarso de Castro, e com o banqueiro Fernando Wilson Sefton, fruto desse romance nasceu Marcelo.

Marisa Urban posando sem maquilagem em 1968 (Foto: Revista Manchete)

Estreou no cinema, em 1967, no filme Garota de Ipanema. Em 1968, atuou no Bibi ao Vivo, na Tupi, entre 1968 e 1970 foi jurada do A Grande Chance, na Tupi, entre 1968 e 1974 foi jurada no Um Instante Maestro, na Tupi; entre 1970 e 1973 foi jurada no Programa de Flávio Cavalcanti, na Tupi; em 1971 foi jurada no Buzina do Chacrinha na Globo; foi apresentadora do programa Poltrona Seis na Tupi; foi apresentadora do Agora Vivo em 1972, na Tupi; em 1972 foi jurada no Domingo Total na Tupi.

Marisa num show no desfile de Moda (Foto: Manchete)

Em 1979 apresentou o programa Os Comunicadores na Tupi, em e 1982 e 1983 apresentou na Bandeirantes, no jornal Boa Noite Brasil; entre 1985 e 1990 apresentou o programa da CNT Deles e Delas.  E entre 1986 e 1990 foi entrevistadora do programa Gente do Rio na Record. Marisa Urban era fascinante. Uma vez perguntaram ao figurinista Dener se achava ela parecida com Florinda Bolka e ele respondeu: “Com uma diferença Marisa é classuda”.

0

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.