Fernando Machado

Blog

Nos Bastidores da Política

O Auxílio Brasil com valor mínimo de R$ 400 está garantido de forma permanente para a população brasileira mais vulnerável. O presidente da República, Jair Bolsonaro, sancionou quarta-feira o Projeto de Lei de Conversão nº 6/2022 enviado pelo Congresso Nacional que estabelece o piso do benefício, que antes estava previsto para até dezembro deste ano.

João Roma Neto, Jair Bolsonaro, Ronaldo Bento (Foto: Júlio Dutra)

Presente à assinatura do documento no Palácio do Planalto, o ministro da Cidadania, Ronaldo Bento, destacou a importância do ato para a inclusão social das mais de 18 milhões de famílias contempladas com o benefício. O texto atual é um substitutivo do relator, deputado federal João Roma Neto, que incluiu emenda para tornar permanente o benefício. Sem o adicional extraordinário para completar os R$ 400, o Auxílio Brasil teria tíquete médio de R$ 224.

0

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.