Fernando Machado

Blog

Nos bastidores da política

A importância do exercício físico como fator de melhora da imunidade e seu possível efeito modulador das formas mais graves da Covid-19 foram avaliados no artigo de revisão A relevância de um estilo de vida ativo físico e aptidão física na defesa imunológica: atenuação da carga de doença, com foco nas consequências da COVID-19, publicado no jornal científico Frontiers in Immunology. O artigo teve participação do médico e preceptor da Residência de Nefrologia do Hospital das Clínicas da UFPE/Ebserh/MEC, Geraldo Amorim.

Acaba de ser desenvolvida na Fiocruz Pernambuco uma metodologia que visa tornar mais simples e ágil, além de mais barato, o monitoramento das variantes do novo coronavírus. É baseada em uma técnica que já é largamente utilizada e disponível no Brasil e no mundo, o sequenciamento de Sanger – também denominado sequenciamento por eletroforese capilar. O artigo com esse achado acaba de ser disponibilizado online como preprint na plataforma MedRxiv.

0

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.