Fernando Machado

Blog

No mundo das artes

A Academia Brasileira de Letras, cujo presidente é Marcos Vinicios Vilaça, marcou para o dia 16 de agosto, na Casa Rio Branco, no Rio de Janeiro, uma exposição sobre o acadêmico Mauro Mota, que se vivo fosse estaria completando 100 anos de idade. O curador da mostra é Anselmo Maciel. A viúva do homenageado, também acadêmica Marly Mota, está dando a maior força para o sucesso do evento.

Foi como uma maneira de superar um momento de tristeza que a escritora Bernadete Bruto buscou inspiração para o livro de poesias Um coração que canta, com lançamento hoje, às 19h, no Teatro Barreto Júnior. Temos ainda apresentações de Marúcia Coelho, Atos Escola de Dança, Diverso Espaço Cultural, Roberto Pereira Dança de Salão e Rita Vieira. O livro custa R$ 20 e a renda será revertida para a OAF.

0

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.