Fernando Machado

Blog

Tag top

Mister Global de 2019

Dário Duque, Mister Global de 2018 (Foto: Concurso)

Na próxima quarta-feira, às 20h, no Lumpinee Boxing Stadium, de Bancoque, capital da Tailandia, será escolhido o Mister Global de 2019. O concurso de Mister Global foi fundado em 2014 pelo empresário tailandês Pradit Pradinut. Participam do evento 38 candidatos. O vencedor receberá a faixa do Mister Global de 2018, Dário Duque, norte-americano que representou Cuba. Vamos ter desfile de traje típico, de banho e de noite. Depois será selecionado o Top 15, o Top 10 e Top 5.

Mister África do Sul, Marcus Karsten (Fotos: Concurso)

O 1º concurso aconteceu em 2014, na Tailândia, e o vencedor foi Myat Thuya Lwin do Mianmar. O 2º aconteceu em 2015, na Tailandia e o vencedor foi Nguyen Van Son do Vietnã. O 3º foi em 2016, na Tailândia, o vencedor foi Tomás Martinka da Republica Checa. O 4º foi em 2017, na Tailandia e o vencedor foi Pedro Gicca do Brasil, 6º concurso aconteceu ano passado, em Bancoque, e vencedor foi Dário Duque, dos Estados Unidos.

Mister Vietnã, Nguyễn Hùng Cường (Fotos: Concurso)

Jack Heslewood vence o Mr Mundo

O Top 12 de calção, mais cafona  impossível (Foto: Drew Francisco)

Sexta-feira, à noite, no Smart Araneta Coliseum in Cubao, Quezon City, nas Filipinas, Jack Heslewood, da Inglaterra foi eleito Mister Mundo de 2019, que foi coroado pelo Mister Mundo de 2017, o indiano Rohit Khandelwal. No 2º lugar Fezile Mkhize da África do Sul; no 3º lugar ficou Brian Arturo Faugier González do México; no 4º lugar ficou Carlos Wilson Teodoro Franco do Brasil e no 5º lugar ficou Alejandro Martínez da Republica Dominicana. Participaram do evento 72 candidatos.

O Top 5: Brasil, Republica Dominica, Inglaterra, México e África do Sul (Foto: Drew Francisco)

No Top 12 ficaram Fezile Mkhize da África do Sul (vencedor na categoria esportes), Adam Steenson da Irlanda (vencedor na categoria Extreme), Akshay Jung Rayamajhi do Nepal (vencedor na categoria Multimedia), Mikaele Henry Ahomana do Tonga (vencedor na categoria Talento), Brian Arturo Faugier González do México (vencedor da categoria Top Model), Carlos Wilson Teodoro Franco do Brasil, Alejandro Martínez da Republica Dominicana, Alberto Nodale da Áustria, Rohit Khandelwal da Inglaterra, Wayne Walsh da Irlanda do Norte, Jody Baimes Tejano Saliba das Filipinas e Jean Paul Bitar do Líbano.

O brasileiro Carlos, Alejandro, Jack e Fezile (Foto: Drew Francisco)

Além destes nomes compuseram o Top 29 Leonardo Diaz Alincastro da Argentina, Felipe Rojas Ramirez do Chile, Zhang Zhiyu da China, Andresito Germosen de La Cruz dos Estados Unidos, Bright Ofori de Gana, Radityo Wahyu Senoputro da Indonésia, Marco D’Elia da Itália, Robert Cula Budi do Quênia, Edvins Locmelis da Letônia, Alexandre Curpanen das Ilhas Maurícias, Prince Enwerem da Nigéria, Robert Kapica da Polônia, José Humberto Cotto Rodriguez de Porto Rico, Ashley Karym Peternelia da Holanda, Denis Pavlevich Khadyko da Rússia, Jakub Kraus da Republica Checa e Jorge Eduardo Nuñez Martinez da Venezuela.

Rohit Khandelwal depois de passar a faixa para Jack Heslewood (Foto: Drew Francisco)

Gemma Cruz é a Miss Internacional de 1964

Há 55 anos, acontecia em Long Beach, na California o Miss Beleza Internacional de 1964. A vencedora foi Gemma Guerrero Cruz das Filipinas. O Miss International Beauty Pageant foi fundado em 1960 pelo empresário norte-americano Vincent Trotta. Em 1972 o concurso foi vendido para a Associação Cultural do Japão. Em 1968 o concurso se transferiu para Tóquio e a vencedora foi Maria da Gloria Carvalho do Brasil.

Gemma Guerrero Cruz sendo coroada pelo ator Hugh O’Obrien (Foto: Internedt)

Top 15: Monika Brugger (Alemanha), Viviana Rosa Dellavedova (Argentina), Kathleen Foenander (Ceilão), Vera Lucia Couto dos Santos (Brasil), Linda Taylor (Estados Unidos), Gemma Guerrero Cruz (Filipinas), Maila Östring (Finlandia), Tracy Ingram (Inglaterra), Elisabeth Ottosdóttir (Islandia), Daphna Chrisholm Noy (Israel), Naoko Matsui (Japão), Lee Hye-jin (Coreia), Helen Iggo (Nova Zelândia), Birgitta Alverljung (Suécia) e Lisla Negrón (Venezuela).

O Top 15 (Foto: Manchete)

Resultado final: 5º lugar Maila Östring (Finlandia), em 4º lugar Tracy Ingram (Inglaterra), em 3º lugar Vera Lucia Couto dos Santos (Brasil), em 2º lugar Linda Taylor (Estados Unidos) e a vencedora foi Gemma Cruz das Filipinas, que foi coroada pela Miss International Beauty Pageant de 1963, Mariem Velazco, da Venezuela. A Miss Fotogenia foi Vera Lucia Couto dos Santos do Brasil.

Gemma Cruz e Vera Couto dos Santos se abraçando de trajes de banho (Fotos: Manchete)

Participaram do concurso: Viviana Dellavedova (Argentina), Janice Taylor (Australia), Erika Augustin (Áustria), Eliane Stockmans (Bélgica), Vera Lucia Couto dos Santos (Brasil), Jane Mita (Canadá), Kathleen Foenander (Ceilão), Leonor Duplat Sanjuán (Colômbia), Alice Bjorn Andersen (Dinamarca), Mildred Almonte Rouas (Republica Dominicana), Maria Mendoza Velez (Equador), Tracy Ingram (Inglaterra), Maila Östring (Finlândia), Brigitte Pradel (França).

Pamela Borgfeldt do Alabama, Vera Couto do Brasil, Brigitte Pradel da França e Barbara Mcglothlin do Arkansas (Foto: Manchete)

Ainda Monika Brugger (Alemanha), Maria Schinaraki (Grécia), Dóris Sablan (Guam), Henny Van Der Berg (Holanda), Elisabeth Ottosdóttir (Islândia), Joan Power (Irlanda), Daphna Chrisholm Noy (Israel), Naoko Matsui (Japão), Lee Hye-jin (Coreia), Norma Dorothy Davis (Libéria), Jeanny Hubert (Luxemburgo), Helen Iggo (Nova Zelandia), Ileana del Carmen Rojas Arana (Nicarágua), Inger Sande (Noruega), Gloria Navarrete (Panamá).

Vera Lúcia Couto dos Santos com sua baiana estilizada (Foto: O Cruzeiro)

E finalmente Gladys González (Peru), Gemma Cruz (Filipinas), Zoe Foy Santiago (Porto Rico), Dorothy Smallman (Escócia), Lorraine Mason (África do Sul), Lucia Pilar Herrera (Espanha), Birgitta Alverljung (Suécia), Philippina Chao Ling-yu (Taiwan), Lea Avaemai (Taiti), Ayten Ornek (Turquia), Linda Taylor (Estados Unidos), Lisla Negrón (Venezuela), e Pamela Martin (Escócia). Informação importante: As candidatas ao Miss Estados Unidos participavam do Miss Beleza Internacional, tanto que Miss Washingtom, Melinda Rae Johnson foi eleita Miss Simpatia.

Jefferson Velasco vence o Men Universe Model 2019

Sábado passado aconteceu no Anfiteatro Puerto Plata, na Republica Dominicana, a escolha do Men Universe Model de 2019. O vencedor foi o representante da Bolívia, Jefferson Velasco, de 21 anos de idade. Participaram do concurso 25 candidatos. O traje típico mais bonito foi o da Colômbia, Frank Mejia. Achei injusta a ausência de Ângelo Rodrigues (França), Vicent Rijsbergen (Holanda), Leury J. de La Cruz (Ilha Saona) e Fernando Pinto Santos (Portugal), no Top 15.

Men Universe Model, Jefferson Velasco (Foto: Instagram)

Ficaram no Top 15: Christopher Ggstrein da Áustria, Jefferson Velasco da Bolívia, Amaury Bent da Bélgica, Jean Ferrari do Brasil, Maxiliano Davalos do Chile, Frank Mejia da Colômbia, Luís David Sánchez do Haiti, Théo Boulangé da Martinica, Ivan Rodriguez Junior da Nicarágua, Luis Baloyes do Panamá, Christopher Galvan da Republica Dominicana, Daniel Kozdon da Republica Tcheca, Carlos Manuel Lopez da Rivera Maya, Mac Mcadam da Suíça e Enrique Luis Rodriguez Lopez da Venezuela.

Frank Mejia da Colombia e Jean Ferrari do Brasil (Fotos: Instagram)

Depois foi anunciado o Top formado por Amaury Bent da Bélgica, Jefferson Velasco da Bolívia, Jean Ferrari do Brasil, Frank Mejia da Colômbia, Ivan Rodriguez Junior da Nicarágua e Mac Mcadam da Suíça. E o resultado final ficou assim: 6º lugar Mejia da Colômbia, no 5º lugar Ivan Rodriguez Junior da Nicarágua, no 4º lugar Mac Mcadam da Suíça, em 3º lugar Jean Ferrari do Brasil, em 2º lugar Amaury Bent da Bélgica e conforme já frisamos o vencedor foi Jefferson Velasco da Bolívia.

Foto oficial dos candidatos um dia antes da eleição (Foto: Instagram)