Fernando Machado

Blog

Tag pessoas

Vera Ribeiro, Dione Oliveira & Miss Brasil 59

Sonia Maria Campos entrega o cetro para Vera Ribeiro e algumas misses na passarela (Fotos: O Cruzeiro)

Há 60 anos, 27 mil pessoas aplaudiram as 25 candidatas ao título de Miss Brasil de 1959. A vencedora foi Vera Regina Ribeiro, do Distrito Federal, que foi coroada sob vaias, pela Miss Brasil de 1958, Sônia Maria Campos. A candidata favorita era a Miss Pernambuco, Dione Brito de Oliveira, que ficou no segundo lugar. E que foi representar o Brasil no concurso de Miss Mundo, em Londres.

O Top 5: Teresinha, Dione, Vera, Maria Eutmya e Vânia Beatriz ( Foto: Manchete)

A comissão julgadora foi formada pelas senhoras Edith Pinheiro, Lelly Frontini e Marlene Barata, ainda por Herbert Moses, Oswaldo Teixeira, Pedro Bloch, Alfredo Blum, Julio Kaus, Oscar Santamaria, Accioly Neto e Indalécio Wanderley. Miss Minas Gerais, Vânia Beatriz Diniz Gotlib, foi eleita Miss Simpatia.

Nora, Aneida, Martha, Ivone e Marly (Foto: O Cruzeiro)

O resultado final foi: Miss Brasil de 1959, Vera Regina Ribeiro (DF), em segundo Dione Brito de Oliveira (Pernambuco), em terceiro lugar Maria Euthymia Manso Dias (Bahia), em quarto Terezinha Rodrigues (São Paulo) e em quinto Vânia Beatriz Diniz Gotlib (Minas Gerais).

Vera, Lenita, Mary, Lídia, Maria Otília e Teresinha (Foto: O Cruzeiro)

Também participaram do concurso: Aneida Lopes (Acre), Lidia Barreto (Alagoas), Dalva Nunes (Amapá), Nora Sabbá (Amazonas), Martha Garcia (Brasília), Rufina da Justa (Ceará), Linezia Campos (Espírito Santo), Maria Lúcia Braga (Estado do Rio), Norma de Carvalho (Goiás), Lenita Gomes (Maranhão), Marly Cardoso Rosa (Mato Grosso).

Glícia, Fernanda, Maria Lúcia, Maria Euthimya, Vera e Terezinha (Foto: O Cruzeiro)

Ainda Mary Azevedo (Pará), Glícia Chianca (Paraíba), Shirley Tempski (Paraná), Vera Neiva (Piauí), Fernanda Pinheiro de Paula (Roraima), Terezinha Bastos (Rio Grande do Norte), Maria Otília Rodrigues (Rio Grande do Sul), Fernanda de Paula (Roraima), Ivone Baumgarten (Santa Catarina) e Maria Aparecida Santos (Sergipe).

Dione, Linezia, Norma, Shirley, Rufina e Vânia Beatriz (Foto: O Cruzeiro)

Informações importantes: Para Terezinha Morango a nova Miss Brasil deveria ter sido Dione Oliveira de Pernambuco. Miss Maranhão que lembrava Sophia Loren disse que ia casar em breve. Miss Minas Gerais brigou com o namorado por conta do concurso. As misses mais altas foram a do Acre e do Rio (lm73) e a mais baixa Minas Gerais (1m60).

O Top 3: Maria Euthymia, Vera Regina e Dione Oliveira na capa da revista O Cruzeiro

Baile dos Namorados de 2019

O XXI Baile dos Namorados que aconteceu quarta-feira, na Arcádia de Apipucos, resultou num grande sucesso de publico (mil pessoas) e animação. A noitada beneficente é promovida pela Prefeitura do Recife, leiam-se o prefeito Geraldo Julio de Mello Filho e a primeira dama Cristina Mello, que estavam muito felizes porque o encontro rendeu 140 mil reais com a venda dos ingressos.

Geraldo Julio, Vera Morais, Sandra Matos e Cristina Mello (Foto: Andréa Rego Barros)

Com o tema Amor de Novela, o baile foi embalado pelos cantores José Augusto, Adilson Ramos e os Garçons Cantores. A festa abriu o Ciclo Junino do Recife. As entidades beneficiadas foram o Grupo de Apoio à Criança com Câncer Pernambuco, cuja presidente é a médica Vera Morais, e o Círculo do Coração leia-se a presidente Sandra Matos.

Paixão de Cristo de Caruaru

Hoje, às 19h, o Monte Bom Jesus, em Caruaru, será palco da encenação da Paixão de Cristo do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos do município. Serão mais de 110 crianças, adolescentes e idosos participando da produção que envolve em torno de 150 pessoas. A coordenação artística é de Rodrigo Martins e a direção de William Smith.

Cristo carregando a cruz para o Calvário (Foto: Jorge Farias)

O espetáculo ao ar livre tem nove cenários onde o público será convidado a acompanhar as encenações das passagens bíblicas de forma itinerante. A Paixão com acesso gratuito para todas as idades. Às 17h, no largo da Igreja de Santa Luzia acontecem apresentações do projeto Arte pra Lua. Obra é baseada nos evangelhos bíblicos de João, Lucas e Mateus.

Cristo na queda sendo observado por Maria e Maria Madalena (Foto: Jorge Farias)

A direção geral e adaptação do texto foi assinada por William Smith, cenários e figurinos Rodrigo Túlio e a coreografia de Edmilson Silva. No elenco temos Lucas Monteiro (Jesus), Iasmin Mirelle (Maria), Stephanie Emilly (Madalena), João Victor (João), Cássio Rodrigues (Pedro), Douglas Júnior (Herodes).

Viva Pomerode!

Ich liebe Pomerode, em língua alemã, significa Eu amo Pomerode. A frase é famosa na cidade mais alemã do Brasil, sendo muito repetida por turistas e moradores – e com razão. O atrativo linguístico é apenas uma das várias possibilidades de genuíno convívio com a cultura outrora herdada dos imigrantes e que faz até hoje parte dos costumes do povo pomerodense.

A animação da Festa Pomerana (Foto: Daniel Zimmermann)

Todos os anos em janeiro, a cidade se torna ainda mais encantadora com toda a tradição germânica da Festa Pomerana, que, em 2019, deverá receber cerca de 80 mil pessoas entre os dias 9 e 21 de janeiro. No período, a pequena Alemanha irá comemorar 60 anos de emancipação político-administrativa, marcando uma edição especial dos festejos. A contagem já está regressiva para o início da programação repleta de atrações, em 13 dias de muita alegria.