Fernando Machado

Blog

Tag ética

Nos bastidores da Política

Joaquim Francisco e Gustavo Krause (Foto: Aguinaldo Leone)

Os ex governadores Gustavo Krause, Jarbas Vasconcelos, João Lyra Neto, Joaquim Francisco, Mendonça Filho e Roberto Magalhães escreveram este manifesto: “Pernambuco deu, ao longo de sua história, notáveis exemplos de compromissos com as lutas pela liberdade, pela democracia e pelo respeito aos direitos humanos. Desde a Revolução Pernambucana de 1817, a Confederação do Equador de 1824 e a Revolução Praieira de 1848 que estamos na vanguarda das melhores causas nacionais. Nós, ex-governadores de Pernambuco, firmamos posição – neste momento de grave crise política, ética e econômica – em defesa dos princípios democráticos e do mais absoluto respeito à Constituição em vigor, fruto da luta de milhões de brasileiros.

Jarbas Vasconcelos e João Lyra Neto (Fotos: Divulgação)

E prosseguem: “Defendemos irrestrito apoio as ações desenvolvidas pelo Ministério Público e o Poder Judiciário no sentido que seja aplicado o rigor da punição a corruptos e corruptores. As investigações de desvios de recursos públicos devem ser levadas às últimas consequências. Só uma ação integrada e harmônica entre os três poderes constituídos garantirá uma solução para o impasse político que o País enfrenta neste grave momento da nacionalidade. A Nação clama por respeito à democracia e as garantias constitucionais como premissa básica para estabilidade da economia e retomada da geração de empregos”.

Roberto Magalhães e Mendonça Filho (Fotos: Bernardo Soares/JC e Sérgio Lima/Época)

Nos bastidores da Política

Depois que os deputados aprovaram seus aumentos, e que aumento, e que o atual presidente Guilherme Uchoa deverá ser reeleito pela quinta ou sexta vez, sei lá, o que podemos esperar da 18° Legislatura da Assembleia Legislativa? Bem, eles tomam posse amanhã, às 15h, no Plenário. Dos 49 parlamentares, 21 são novatos. O índice de renovação foi de 42,85%. Vamos torcer para esta nova geração fique atenta para o Código de Ética.

O governador Paulo Câmara participou, ontem, no Centro de Convenções, da posse do novo procurador-geral de Justiça do Ministério Público de Pernambuco, Carlos Guerra de Holanda. O chefe do Executivo estadual destacou a atuação da instituição em prol dos pernambucanos. Pegou mal o chefe do executivo pernambucano não ter ido nem ao velório nem a missa de sétimo dia do Papa da Crônica Social, Alex. “O jornalista é forte e poderoso não pelo bem que ele faz, mas pelo mal que pode fazer”, escrevia Ibrahim Sued