Fernando Machado

Blog

Tag estadio

Noticias do Rio Grande do Norte

O prefeito de Natal, Álvaro Dias, sancionou quarta-feira, no salão nobre do Palácio Felipe Camarão, a Lei Geral da Micro e Pequena Empresa que foi desenvolvida com o objetivo de reduzir a informalidade e gerar novas oportunidades de negócios em um ambiente propício ao desenvolvimento e a empregabilidade. A nova lei vai propiciar ainda uma modernização nas vistorias e fiscalizações.

A banda Teto Preto (Foto: Marcelo Mudou)

O Festival MADA (Música Alimento da Alma) está em contagem regressiva para a edição dos 21 anos, nos dias 18 e 19 de outubro, no estádio Arena das Dunas, em Natal. O hip hop contemporâneo e chamada nova MPB são alguns destaques a partir de artistas que estão renovando esses gêneros. É o caso da banda Teto Preto, um dos destaques da cena paulistana. O grupo é liderado pela artista Laura Díaz.

Flashes

O VillaMix Festival Goiânia acontece de hoje até domingo no Estacionamento do Estádio Serra Dourada. A expectativa é grande.

Hoje, às 19h, Dina e Mario Gil Rodrigues movimentam o 4º São Pedro do Rei David, em sua propriedade em Bezerros.

O Mister Rio de Janeiro CNB, Bernardo Boggian Timm, é filho de uma famosa atleta de vôlei, Roseli Timm. Ele é notável remador do Botafogo.

Bernardo e mãe Roseli lindos de viver (Foto: Face)

O desembargador Stenio Neiva Coelho está muito feliz porque a rua que tem o nome do seu pai, Otilio Neiva Coelho, fica a sede da ESMAPE.

Juliana e Carlos Augusto Costa estão na Russia para curtirem os últimos jogos da Copa do Mundo. Juliana vai usar roupas lindas.

Os Planos de Saúde vão duplicar seus valores, tudo porque o ministro da Saúde, Ricardo Barros, é o dono da Qualicorp, gestora dos planos.

Há 60 anos o Brasil era Campeão do Mundo

Hoje faz 60 anos, que o Brasil ao vencer a Suécia por 5×2, no Estádio Rásunda, em Estocolmo, era campeã mundial de futebol pela primeira vez. Era uma seleção de dar gosto aos brasileiros. A Copa começou em 8 de junho e terminou em 29 de junho de 1958. Com a participação de 16 seleções, na sua maioria européia: Suécia, Alemanha Ocidental, Áustria, França, Republica Tcheca, Hungria, União Soviética, Iugoslávia, Inglaterra, Irlanda do Norte, Escócia e País de Gales. Pela América Latina estavam o Brasil, a Argentina, o México e o Paraguai.

A delegação brasileira que foi até Suécia (Foto: O Cruzeiro)

Castilho, Dida e Didi (Foto: O Cruzeiro)

Dino Sandi, Djalma Santos e Garrincha (Foto: O Cruzeiro)

No primeiro jogo, o Brasil venceu a Áustria por 3 x 0. Os gols foram de Mazolla (2) e Nilton Santos. No segundo o Brasil empatou com a Inglaterra em 0 x 0 e no último o Brasil venceu a União Soviética por 2 x 0. Os dois gols foram do pernambucano Vavá. Começa as Quartas de Finais. No dia 19 de junho Brasil venceu o País de Gales por 1 x 0. O único gol foi de Pelé. Chega a semifinal e o Brasil vence a França por 5 x 2. Os gols foram de Vavá, Didi e Pelé (3). Finalmente aconteceu a final e o Brasil vence a Suécia, novamente por 5 x 2. Os gols foram de Vavá (2), Pelé e Zagalo.

Gilmar, Joel e Mauro (Foto: O Cruzeiro)

Mazzola, Moacyr e De Sordi (Foto: O Cruzeiro)

Nilton Santos, Oreco e Orlando (Foto: O Cruzeiro)

Terminada a Copa do Mundo de 1958, Pelé marcou 6 gols, Vavá 5, Mazzola 2, Didi, Nilton Santos e Zagallo 1. Daquela seleção estão vivos apenas seis craques: Dino Sani, Zagallo, Pelé, Moacir, Mazzola e Pepe. O nosso capitão foi um só para toda a competição. O bonito, educado e elegante Bellini. Seu pai era descendente de italiano e caminhoneiro, que não queria o filho fosse jogador de forma alguma. E Bellini excursionou como barbeiro, para enganá-lo. Foi dele o gesto imitado pelos demais capitães: Levantar a Jules Rimet.

Pelé, Pepe e Vavá (Foto: O Cruzeiro)

Zagalo, Zito e Zózimo (Foto: O Cruzeiro)

Bellini ergendo a Jules Rimet em Estocolmo e Bellini o eterno galã (Fotos: Manchete/Marcelo Carvalho)

Nossa seleção era composta por Castilho (1927/1987), Capitão Bellini (1930/2014), Gilmar (1930/2013), Djalma Santos (1929/2013), Dino Sani (1932), Didi (1929/2001), Zagallo (1931), Oreco (1936/1985), Zózimo (1932/1977), Pelé (1940), Garrincha (1933/1983), Nilton Santos (1925/2013), Moacir (1930), De Sordi (1931/2013), Orlando (1935/2010), Mauro (1932/2002), Joel (1931/2003), Mazzola (1938), Zito (1932/2015), Vavá (1934/2002), Dida (1934/2002), Pepe (1935) e o técnico: Vicente Feola (1909/1975).

De volta para o passado

Há 210 anos, nascia na França, o guerrilheiro Giuseppe Garibaldi, que morreu no dia 2 de junho de 1882.

Há 90 anos, Dom Pedro chegava ao Recife e se hospedava na casa de do Conde Pereira Carneiro.

O ator Raul Prysthon em Casta Suzana (Foto: Diário da Manhã)

Há 80 anos, era encenada no Teatro de Santa Isabel, a peça Casta Suzana. No elenco o tenor Vicente Cunha, as sopranos Luiza Oliveira e Alzira de Oliveira, os atores Raul Prysthon, Luiz Carneiro, Luiz Maranhão, Oswaldo Barretto, Ary Guimarães, Amalia de Souza e Lecticia Flora.

Há 70 anos, nascia em São Paulo, o comentarista esportivo Luciano do Valle, que morreu no dia 19 de abril de 2014.

Há 45 anos, era inaugurado o Estádio José do Rego Maciel, com o jogo entre o Santa Cruz 0 X O  Flamengo do Rio de Janeiro.

Há 15 anos, morria em Pernambuco, Monsenhor Adelmar da Mota Valença, que nasceu no dia 4 de julho de 1908.

  • 1 2 9