Fernando Machado

Blog

Tag Concerto

De volta para o passado

Há 145 anos, nascia em São Paulo, o pai da aviação Alberto Santos Dumont, que morreu no dia 23 de julho de 1932.

Há 115 anos, morria no Vaticano, o Papa Leão XIII, que nasceu no dia 2 de março de 1810.

Há 80 anos, nascia nos Estados Unidos, a atriz Natalie Wood, que morreu no dia 29 de novembro de 1981.

Há 65 anos, acontecia no Teatro de Santa Isabel, concerto do violinista Ruggiero Rici.

Há 45 anos, morria em Hong Kong, o ator Bruce Lee, que nasceu no dia 27 de novembro de 1940.

Há um ano, morria em Pernambuco, o coiffeur Silvio Nogueira, que nasceu no dia 21 de dezembro de 1934.

De volta para o passado

Há 110 anos, acontecia no Clube Internacional, concerto do maestro Elpidio Pereira.

Há 100 anos, nascia na África do Sul, o líder Político Nelson Mandela, que morreu no dia 5 de dezembro de 2013.

Há 70 anos, se apresentava na Radio Jornal do Commercio, Cuquita Carballo.

Há 40 anos, morria em Pernambuco, o marechal Manoel dos Santos, que nasceu no dia 21 de fevereiro de 1900.

De Volta para o Passado

Há 115 anos, nascia em São Paulo, o romancista Orígenes Lessa, que morreu no dia 13 de julho de 1986.

Há 105 anos, nascia em Pernambuco, minha mãe Severina da Silva Machado, que morreu no dia 8 de março de 2002.

Há 85 anos, Rosilda Saldanha era coroada Rainha dos Comerciários no Sindicato dos Auxiliares do Comercio, na Rua da Aurora, 76, 1º andar.

Há 85 anos, acontecia no Teatro de Santa Isabel, o concerto com a cantora francesa Madeleine Grey.

Há 70 anos, concerto da pianista Gloria Malta de Rezende, no Teatro de Santa Isabel.

Há 25 anos, morria em Pernambuco, o médico Ruy João Marques, que nasceu no dia 18 de janeiro de 1917.

Há 10 anos, morria no Rio Grande do Sul, o atleta e ator Breno Mello, que nasceu no dia 7 de setembro de 1931.

Viva l’Italia!

Raul Henry, Gabor de Zagon e Iohanna Weiss (Foto: Fernando Machado)

O Instituto Ricardo Brennand é uma instituição cultural localizada na Várzea, nos arredores do Recife, fundado no dia 14 de setembro de 2002 pelo colecionador pernambucano Ricardo Brennand e sedia um complexo arquitetônico em estilo medieval, composto por quatro prédios: Museu Castelo São João, a Pinacoteca, a Igreja de Nossa Senhora das Graças e a Galeria, rodeado por um vasto parque. A sua biblioteca possui mais de 62 mil volumes.

Saulo e Sheila Farias com Iara Dubeux (Foto: Fernando Machado)

Possui uma coleção permanente de objetos histórico-artísticos de diversas procedências, abrangendo o período que vai da Idade Media ao Século XXI, com destaque na documentação histórica e iconográfica relacionada ao período colonial e ao Brasil Holandês. Lá podemos encontrara maior coleção do mundo de pinturas de Frans Post, com quinze obras.

Antonieta Chiappetta e Marco Antônio Vargas Rodrigues (Foto: Fernando Machado)

Dong Jingxia e Shang Siyuan, Giovani Oliveira e Fátima Naomi Takada (Foto: Fernando Machado)

Pois bem foi na Galeria do IRB, que o cônsul Gabor de Zagon e a consulesa Iohanna Weiss, movimentaram sexta-feira, à noite uma recepção das mais categorizadas em torno da data nacional da Republica Italiana. O local é deslumbrante nas paredes obras de artes pintores brasileiros, sendo que cerca de 90% é pernambucanas.  Na entrada da Galeria, o cônsul muito elegante num terno da grife italiana Boggi e a consulesa deslumbrante num modelo da grife TVZ, recebiam os convidados.

Francisco Rosário, as irmãs Renata e Lourdes Brennand, com Grace Rosário (Foto: Fernando Machado)

Jacqueline Nunes, José Ricardo Galdino e Vera Priori (Foto: Fernando Machado)

Tivemos as falas do cônsul Gabor de Zagon e do vice-governador Raul Henry, na seqüência as execuções dos hinos do Brasil e da Itália, pela Orquestra Criança Cidadã, regida pelo maestro Márcio Pereira, e formada por 26 músicos adolescentes. Tivemos um sorteio de vários brindes, incluindo duas passagens para Milão via Cabo Verde Airlines doada pelo cônsul honorário José Ricardo Galdino, que representa a companhia aérea.

Coronel João Alberto Nunes de Paula e Rosa Felícia (Foto: Fernando Machado)

Maria Fernanda Gouveia, Caetano Azevedo e Rayanne Nogueira (Foto: Fernando Machado)

Depois aconteceu um notável concerto de a gente ficar gritando Bravo! Começou com O oboé de Gabriel de E. Morricone; Caruso de Lucio Dalla; Com te Partido de F. Santori; Primavera e Concerto Grosso Op nº 8 de A. Vivaldi. Na segunda parte a musica pernambucana: Mourão de Guerra Peixe e Clóvis Pereira, Lamento Sertanejo de Dominguinhos; e Asa Branca de Luiz Gonzaga e Humberto Teixeira. No final o tenor Jefferson Bento deu uma canja.

Michael Zgoda e Bruna Avalloni (Foto: Fernando Machado)

Romain Louvet, Maria Köening de Siqueira Regueira, Jiro Maruhashi e Alejandro Funes Lastras (Foto: Fernando Machado)

O bufê do Famiglia Giuliano estava de a gente comer rezando para Santa Cecilia e foi grifado pela chef Marie França. No cardápio mini bruschetta italiana, mini focacia de grnaa padanom canapé com base de parmesão, tomate grelhado, mozarella de bufula e manjeircão, tuille de amêndoas com queijo brie e geléia de pimenta, rolinho de carpaccio com rúcula, tomatinhos Caprese, tartallete crocante de camarão com tartar de tomate sweet grape, camarão crocante com gergelim negro, mini quiche de cordeiro com geléia de menta, cone de peito de peru com amêndoas laminadas e geléia de damasco e presunto de Parma com melão.

Tenente Roberto, capitão Siebra, Major Nishio e o capitão Allison (Foto: Fernando Machado)

Roberta Labanca e Sávio Neiva (Foto: Fernando Machado)

E finalmente o jantar picata de filé trufado com risoto de grana padano, gnocchi de batata doce com ragu de ossobuco, ravióli de búfula ao molho pomodoro. E com sobremesa a italianíssima tiramisu. Notto elegante com os 250 convidados sentados as mesas bem decoradas. Para o blog La serata bellissima. Viva l’Italia!

Orquestra Criança Cidadã (Foto: Fernando Machado)