Fernando Machado

Blog

Pausa Poética

“Teus olhos verdes eu fito / Mas logo depois não sei / Se foi do excelso infinito / Divina estrela que olhei”. Edwiges de Sá Pereira (1885/1958)

0
1 Discussion on “Pausa Poética”
  • “Teus olhos verdes eu fito / Mas logo depois não sei / Se foi do excelso infinito / Divina estrela que olhei”.
    Iluminada Edwiges de Sá Pereira. Um dos mais românticos textos da nossa literatura.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.