Fernando Machado

Blog

Parabéns, Padre Cosmo e Damião!

Padres Valdir Bezerra e Cosmo Francisco do Nascimento com Marinanda Carvalho (Foto: Fernando Machado)

Na hora da Comunhão (Foto: Fernando Machado)

A comunidade do Largo da Paz lotou a Igreja de Nossa Senhora da Paz, em Afogados, terça-feira, para assistir a Santa Missa em comemoração aos 48 anos do pároco, Padre Cosmo Francisco do Nascimento e do seu irmão Damião Francisco do Nascimento, cuja data é a mesma de Nossa do Perpetuo do Socorro. Com eles estavam o pai, José Francisco, a irmã Maria de Lourdes, e o cunhado Gerson Moreira. Ele entrou ao som de parabéns para você e os fiéis usando uma máscara com seu rosto.

Tatiana Marques, Renata Campos, Rita Bentinho e Terezinha Nunes (Foto: Fernando Machado)

As missas naquela igreja são comoventes por que os sinos tocam, seja na hora do Hino de Louvor ou no Anúncio do Evangelho. Igreja sem sino é como a gente ir ao Vaticano e não ver o Papa. Padre Cosmo presidiu a cerimônia que começou às 19h30. A comentarista foi Verônica Bentinho. A primeira leitura foi lida por Carolina Pedrosa. O salmo foi cantado por Damiana Mendes.

Os aniversariantes Damião e Padre Cosmo Francisco do Nascimento (Foto: Fernando Machado)

O ministério musical foi com o tecladista Flávio Pio, que começou a cerimônia religiosa cantando “Tu anseias, eu bem sei, por salvação / Tens desejo de banir a escuridão / Abre, pois, de par em par, teu coração / E deixa a luz do céu entrar / Abre bem as portas do teu coração / E deixa a luz do céu entrar”. A proclamação do Evangelho foi conduzida pelo diácono Heleno Braine. A homilia foi feita pelo próprio aniversariante, que nos levou a um passeio pelos caminhos da fé.

Maria de Lourdes Moreira e José Francisco do Nascimento (Foto: Fernando Machado)

Padre Cosmo sempre convocava os fiéis a pedirem “Deus não me abandone”. Depois ele puxou o coral de mil vozes para cantar Maria da Minha Infância, de Padre Zezinho. “Eu era pequeno, nem me lembro / Só lembro que à noite, ao pé da cama / Juntava as mãozinhas e rezava apressado / Mas rezava como alguém que ama / Nas Ave – Marias que eu rezava / Eu sempre engolia umas palavras / E muito cansado acabava dormindo / Mas dormia como quem amava / Ave – Maria, Mãe de Jesus”.

Veronica Bentinho, Janice Marques, Padre Cosmo, Damiana Mendes e Carolina Pedrosa (Foto: Fernando Machado)

Durante a comunhão ouvimos: “Tu te abeiraste da praia / Não buscaste nem sábios nem ricos / Somente queres que eu te siga / Senhor, Tu me olhaste nos olhos / A sorrir, pronunciaste meu nome / Lá na praia, eu larguei o meu barco / Junto a Ti, buscarei outro mar / Tu sabes bem que em meu barco / Eu não tenho nem ouro nem espadas / Somente redes e o meu trabalho”. E a missa foi encerrada com a música de Roberto Carlos, Amigo.

Padre Cosmo Francisco do Nascimento e Auzineide de França (Foto: Fernando Machado)

O tecladista Flávio Pio (Foto: Fernando Machado)

0

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.