Fernando Machado

Blog

Miriam vence Martha no Miss Universo de 1954

Hoje faz 60 anos Miriam Stevenson, dos Estados Unidos, era eleita Miss Universo de 1954. Foi a terceira edição do concurso realizado Long Beach Auditorium, em Long Beach, na Califórnia e a primeira norte-americana a vencê-lo. Participaram do conclave 33 candidatas. Esta edição marcou a primeira participação do Brasil, no Miss Universo, com a baiana Martha Rocha.

u54-miriam-stevenson

Miriam Stevenson, Miss Universo de 1954 (Foto: Arquivo)

u-54-top5

As cinco finalistas: Martha Rocha foi destaque (Foto: Arquivo)

Martha Rocha foi considerada a mais bonita miss do concurso, e segundo o jornalista Justino Matins, ela teria perdido a coroa por causa de duas polegadas a mais nos quadris. Miriam e Martha terminaram empatadas em pontos após a votação final dos juízes. Como a marca de trajes de banho Catalina era a principal patrocinadora do concurso nesta época, a decisão acabou sendo pela que fazia a melhor figura em maiô.

u-54-misses-oficial

Foto oficial das candidatas: Martha é a segunda na primeira fila (Foto: O Cruzeiro)

u-54-misses-oficiail2

Miss Nova Zelândia, Moanaunui Manby, desmaiou por conta do calor (Foto: O Cruzeiro)

Miriam foi escolhida por ter as medidas dos quadris mais próximas do padrão de beleza norte-americana da Catalina. Como prêmio de consolação, a nova Miss Universo deu o carro que ganhou de presente à brasileira. Miriam Stevenson, representando a Carolina do Sul, venceu o Miss USA. Foi a primeira de oito norte-americanas a conquistarem a coroa até o ano passado.

mu-54-miriam-stevenson-christiane-martel

Miss Universo de 1953, Cristiane Martel coroando Miriam Stevenson (Foto: Arquivo)

u-54-argentina-brasil-cuba-costa-rica-frança-alemanha-grecia-hong-kong-italia-noruega-panamá-peru

Misses Argentina, Brasil, Cuba, Costa Rica, França, Alemanha, Grécia, Hong King, Itália, Noruega, Panamá e Peru (Foto: Arquivo)

Depois de seu ano de reinado, ela tornou-se apresentadora da televisão americana e fez relativo sucesso como modelo e em comerciais de TV até meados da década de 70. Em 5º lugar ficou Ragnhild Olausson (Suécia) em 4º Regina Ernst Alemanha), em 3º  Virgínia Chün (Hong Kong), em 2º Martha Hacker Rocha (Brasil) e a eleita foi Miriam Stevenson, dos Estados Unidos.

u54-candidatas

As candidatas em traje de noite (Foto: Arquivo)

u-54-jeff-chandler-martha-tony-curtis

Martha Rocha sendo beijada pelos aotres Jeff Chandler e Tony Curtis (Foto: O Cruzeiro)

Completou o Top 16 Ivana Kislinger (Argentina), Ivana Kislinger (Chile), Marian McKeown (Costa Rica), Jacqueline Beer (França), Rika Diallina (Grécia), Maria Teresa Paliani (Itália), Mona Stornes (Noruega), Liliana Torre (Panamá), Isabella Velarde (Peru), Blesilda Ocampo (Filipinas) e Ana Moreno (Uruguai). A Miss Simpatia foi Efi Andoroulakakis da Grécia e a Garota Popular Martha Rocha do Brasil.

u-54-martha-joao-martins-miriam-agosto

Martha Rocha, João Martins e Miriam Stevenson (Foto: O Cruzeiro)

u-54--martha-miriam-agosto

Martha Rocha e Miriam Stevenson no desfile pela beira mar de Long Beach (Foto: O Cruzeiro)

Informação importante: Miriam Stevenson tinha 36 polegadas de busto e de quadris. A cintura era 24 polegadas. Já Marta Rocha tinha 36 polegadas de busto, 38 polegadas de quadris e 23 polegadas de cintura. Foi o jornalista João Martins, da revista O Cruzeiro, que cobria o concurso de Miss Universo de 1954, quem criou a lenda das duas polegadas a mais. Alcir e Pedro Caetano compuseram a marchinha carnavalesca, gravada pela própria Martha Rocha. “Por duas polegadas a mais, / passaram a baiana pra trás. / Por duas polegadas,/ E logo nos quadris. / Tem dó, tem dó, seu juiz.”

2

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.