Nos Bastidores da Política

O palacete de José Pessoa de Queiroz em dois ângulos (Foto: Recife de Antigamente)

Hoje, faz 90 anos, que acontecia uma bastilha no Recife. Os adeptos de Getúlio Vargas e João Pessoa incendiaram os palacetes dos aliados de Washington Luis. Entre eles o de Tereza e José Pessoa de Queiroz, pais da diva Helena Pessoa de Queiroz Gomes, num quarteirão das Ruas Gonçalves Maia, Manoel Borba e Dom Bosco. José Pessoa de Queiroz a construiu em 1922, era uma cópia da casa do tenor Enrico Caruso, na Itália.

A sala de jantar do palacete (Foto: Recife de Antigamente)

Comitê de combate à tortura analisa situação de unidades penitenciárias e socioeducativas na pandemia Integrantes do Comitê Nacional de Prevenção e Combate à Tortura voltaram a se reunir quarta-feira. O encontro ocorreu por videoconferência. Na oportunidade, os participantes analisaram os dados de contaminação do novo coronavírus (Covid-19) nos complexos penitenciários, discutiram sobre a adoção de medidas sanitárias nos presídios, nas unidades socioeducativas e Instituições de Longa Permanência para Idosos.

O dormitório do Palacete (Foto: Recife de Antigamente)

Governo Federal e o Conselho Federal de Medicina assinaram acordo para viabilizar denúncias de médicos pelo Disque 100 e Ligue 180 Médicos no canal exclusivo dentro do Disque 100 (Disque Direitos Humanos) e Ligue 180 (Central de Atendimento à Mulher) para denunciar violações de direitos humanos, além de notificar casos suspeitos ou confirmados de violência autoprovocada. O novo canal permitirá o encaminhamento de denúncias de notificação compulsória realizadas pelos profissionais da área de saúde, de forma anônima.

A sala de visitas do palacete dos Pessoa de Queiroz (Foto: Recife de Antigamente)