Fernando Machado

Blog

Tag programa

Nos Bastidores da Política

A CAPES publicou quarta-feira o Edital nº 32/2022, do Programa CAPES/CofecubA iniciativa apoia projetos conjuntos de pesquisa desenvolvidos por grupos brasileiros e franceses. O documento está disponível no Diário Oficial da União e no site da Fundação. As propostas devem ser submetidas até as 17h de 26 de julho pelo Sistema de Inscrições da CAPES (Sicapes). Antes disso, haverá a data-limite para solicitação de cadastramento de instituição brasileira ou estrangeira no Sicapes (19 de julho) e para envio de dúvidas sobre o edital (22 de julho).

Programa CAPES/Cofecub incentiva o intercâmbio entre instituições de ensino superior e institutos ou centros de pesquisa e desenvolvimento públicos do Brasil e da França. Trata-se do acordo mais antigo da Fundação ainda vigente: a parceria data de 1978. Pela iniciativa, são ofertadas bolsas de doutorado-sanduíche, pós-doutorado, professor-visitante júnior e professor-visitante sênior. O resultado tem divulgação prevista para 31 de dezembro deste ano e o início das atividades ocorre em fevereiro de 2023. Já as bolsas devem ser concedidas a partir de março. Serão financiados até 35 projetos, com um valor global de até R$57,5 milhões.

Fatos Diversos

O Museu do Estado de Pernambuco realiza de hoje até o dia 10, o programa MEPE – Ateliê de Férias. A programação proposta contemplará o público infantil que estará de férias escolares. O hall do Museu será ocupado e transformado num espaço interativo onde será realizada as atividades pós visitação, jogo de tabuleiro de chão, dinâmicas como recreação e lançamento de livro infantil.

D’Angelo Grupo de Dança, formado pelo Balé Fernanda D’Angelo, faz sua estreia nos palcos com o espetáculo Desencontro, de dança contemporânea. Quem assina a direção artística é Ivaldo Mendonça. As apresentações acontecem nos próximos dias 14 e 15/07, às 20h30, no Teatro Apolo. Ingressos Sympla: D’Angelo Grupo de Dança – Produtor – Eventos e Conteúdos na Sympla

Nos Bastidores da Política

O Presidente da República, Jair Bolsonaro, participou, ontem, em Natal (RN), de evento com um conjunto de entregas do Governo Federal, como ações do Programa Internet Brasil, ampliação de internet Wi-Fi gratuita para praças, concessão de documentos de titulação de terra, autorização para a perfuração de poços artesianos e instalação de dessalinizadores. No evento, foi feita a entrega simbólica de chips de celular com pacote de dados para acesso à internet banda larga gratuita a estudantes de escola pública de Mossoró, no Rio Grande do Norte.

Jair Bolsonaro na cerimonia de acesso gratuito à internet em banda larga móvel  (Foto: Valdenio Vieira/PR)

A iniciativa faz parte do Programa Internet Brasil, do Ministério das Comunicações. As primeiras cidades beneficiadas pelo programa serão Caicó (RN), Mossoró (RN), Caruaru (PE), Petrolina (PE), Juazeiro (BA) e Campina Grande (PB). Depois, o programa segue para todo o país. “Ao estar com esta criançada ao nosso lado, a gente vê a nossa responsabilidade com estes que brevemente nos sucederão. Devemos trabalhar e nos empenhar por eles”, destacou o Presidente Jair Bolsonaro em seu discurso. O Internet Brasil leva acesso gratuito à internet em banda larga móvel para alunos matriculados  na educação básica da rede pública de ensino que integram famílias inscritas no Cadastro Único para Programas Sociais, do Governo Federal.

Nos Bastidores da Política

A Caravana Brasil Pra Elas chegou até Salvador (BA) segunda-feira. Com o objetivo de impulsionar o empreendedorismo feminino, a ação contou com programação inteiramente gratuita de atendimentos à saúde, cursos, divulgação de vagas de empregos, palestras, orientações sobre crédito, atividades de lazer e sorteios. A iniciativa faz parte do Programa Brasil Pra Elas, ação do Governo Federal em parceria com diversas entidades do setor, além de governos estaduais e municipais.

Salvador foi à terceira cidade a receber a caravana, que já esteve em Palmas, no Tocantins, e em Campo Grande, no Mato Grosso do Sul. Os próximos destinos são: Macapá, Rio de Janeiro, Cuiabá, Fortaleza, Maceió, Distrito Federal. O projeto pretende despertar o interesse feminino pelo empreendedorismo, além de torná-las geradoras de emprego e renda. O público-alvo são principalmente as mulheres beneficiárias do Auxílio Brasil, mas o programa também atua em outras frentes estratégicas.