Fernando Machado

Blog

Tag produção

Nos bastidores da Política

A ferrovia Norte-Sul acaba de receber mais uma estação ferroviária para facilitar o escoamento da produção do Centro-Oeste até os portos brasileiros. Terça-feira, foi inaugurada, no Rio Verde, em Goiás, o novo terminal ferroviário, que passará a ser o principal ponto de transporte de fertilizantes da Malha Central.

A estimativa anual é de 1,5 milhão de toneladas transportadas via ferrovia e 750 mil toneladas de fertilizantes misturados, gerando cerca de 1 mil empregos diretos e indiretos. A capacidade total de recebimento é de até 3,5 milhões de toneladas por ano.

Com a estrutura, será possível a movimentação a partir do Porto de Santos (SP) até Goiás, por meio da Ferrovia Norte-Sul, administrada pela concessionária. O novo terminal tem vocação para descarga e transbordo ferroviário e contará com os serviços de mistura (industrialização), armazenagem, descarga rodoviária e carregamento a granel.

Nos Bastidores da Política

A ferrovia Norte-Sul acaba de receber mais uma estação ferroviária para facilitar o escoamento da produção do Centro-Oeste até os portos brasileiros. Terça-feira, foi inaugurada, no município de Rio Verde, em Goiás, o novo terminal ferroviário, que passará a ser o principal ponto de transporte de fertilizantes da Malha Central.

A estimativa anual é de 1,5 milhão de toneladas transportadas via ferrovia e 750 mil toneladas de fertilizantes misturados, gerando cerca de 1 mil empregos diretos e indiretos. A capacidade total de recebimento é de até 3,5 milhões de toneladas por ano.

Com a estrutura, será possível a movimentação a partir do Porto de Santos (SP) até Goiás, por meio da Ferrovia Norte-Sul, administrada pela concessionária. O novo terminal tem vocação para descarga e transbordo ferroviário e contará com os serviços de mistura (industrialização), armazenagem, descarga rodoviária e carregamento a granel.

Adriano, o Imperador!

Ícones do futebol mundial como Aloísio Chulapa, Dejan Petković, Javier Zanetti, Léo Moura e Ronaldo Fenômeno irão participar da série documental, Adriano, Imperador. A produção original Paramount+ que será lançada hoje, com exclusividade no serviço premium de streaming. Além deles, profissionais de outras áreas do esporte, como Massimo Moratti (ex-presidente da Internazionale), familiares de Adriano, como Rosilda Ribeiro, mãe do atleta, e amigos próximos participam do documentário, que relembra a trajetória de vida de uma das maiores lendas do futebol brasileiro por meio de fatos marcantes e polêmicos, narrados pelo próprio atleta.

Dona Rosilda Ribeiro e o filho Adriano (Foto: Divulgação)

Nova produção do VIS América, divisão de estúdios da Paramount, a série documental reúne em três episódios relatos inéditos do atleta, numa conversa franca e genuína na qual revive suas conquistas, suas lutas pessoais, familiares e, acima de tudo, o amor que sempre sentiu pelas suas origens. O documentário, além de trazer a voz do atleta como fio condutor da narrativa, conta ainda com imagens raras do arquivo pessoal da família que foram cedidas pelo próprio Adriano.

Adriano conversando com os amigos (Foto: Instagram)

Do menino que cresceu em uma das maiores favelas do Brasil, a Vila Cruzeiro, no Rio de Janeiro, até se tornar um ídolo do futebol que deixou para trás prestígio, fortuna e um contrato milionário na Europa para poder voltar às suas origens. Conflitos, fama, dinheiro, depressão, humildade, escândalos, carros, mulheres e futebol, todos temas que gravitam em torno do universo polêmico de Adriano, o Imperador, serão abordados.

Noticias da Bahia

Nos dias 4, 9 e 11, às 19h, acontece o curso Ableton LiveProdução Musical. Realizado pela Respire Arte e ministrado por Titoxossi, as aulas vão inserir os alunos nos processos de produção musical no mundo digital. O curso é indicado para produtores, músicos e DJs, iniciantes ou não, que buscam conhecimento sobre produção musical em ambiente digital utilizando o programa Ableton Live, com vagas limitadas.

Swing é o que não falta na musicalidade de Zelito Miranda. Não é à toa que ele é considerado o Rei do Forró Temperado. Mas, todo esse tempero vai ganhar um ingrediente a mais para homenagear dois dos maiores ícones da música nacional: o baiano João Gilberto e a lenda do forró Jackson do Pandeiro. Com um arranjo de arrepiar, Zelito Miranda se uniu a Rafael Junior na composição de Nasci Pra Cantar.

  • 1 2 9