Fernando Machado

Blog

Tag perfumado

Acontecencias

O volume de crédito destinado a micro e pequenas empresas pelo Banco do Nordeste com o Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste cresceu 65% em cinco anos. Em 2015, a instituição contratou R$ 2,14 bilhões com o segmento, frente a R$ 1,29 bilhão em 2010. Somados os recursos internos do Banco ao FNE, os montantes de aplicações registrados com o setor foram de R$ 2,78 bilhões no ano de 2015.

xote dos amigos-divulgação

Xote dos Amigos no Baile Perfumado (Foto: Divulgação)

O Baile Perfumado vai ganhar bandeirinhas de São João, no dia 11 de junho, por conta do I Arraiá da Santa. A atração é a banda Xote dos Amigos. O grupo carioca Bonde do Tigrão, dono dos maiores hits do funk dos anos 90, também vai cair no arraiá junino nordestino. Perguntar não ofende porque numa festa junina em Pernambuco um grupo de funkeiro?

Gastronomia perfumada

Ontem, à noite, a Usina Dois Irmãos virou um laboratório de gastronomia perfumada. E isso se deve a Natura que promoveu uma experiência sensorial inédita criando um cardápio co-criado pela perfumista Veronica Kato e a chef Bel Coelho. Sem dúvida um encontro de muito glamour. Recebendo os convidados estava a gerente de marketing Mariana Amazonas, em grande noite um modelo Animale de paetês.

n-mariana-amazonas-bel-coelho-veronica-kato
Mariana Amazonas, Bel Coelho e Veonica Kato (Fotos: Fernando Machado)

Um grupo de promotores (tinha cada gato de a gente ficar babando. E as gatas que não ficaram atrás) fazia intervenção com os convidados. A Usina ficou dividida em dois espaços. O primeiro onde foi servido o coquetel by La Cuisine foi assinado por Jairo Kelner e Daniel Sierra. O segundo o salão onde foi servido o jantar, que estava lindo demais, foi grifado por Ana Eduarda Chianca.

n-tinane-almeida-amelinha-peixoto
Tinane Almeida e Amelinha Peixoto

Entre as palmeiras dos jardins podíamos sentir o cheiro dos perfumes e de gypsophilas, lírios e rosas tudo branco. No salão principal foram disponibilizadas 20 mesas de oito lugares. Do teto caiam 20 abajures de tecidos creme e sobre as mesas repousavam jarras com flores também brancas, como lírios, e copos de leite. Sem dúvida tudo no local nos remetia ao requinte.

n-samira-pavesi-samuel-oliveira
Samira Pavesi e Samuel Oliveira

No coquetel foram servidos blinis de salmão com caviar, mini batatas recheada de carne seca ao vinagrete, mini beijus com creme de queijos de coalho, folhado de pato com molho de gengibre. De parabéns a Hagua Comunicações de Hamilton Mattos e Karla Paiva, pois tudo saiu nos trinques. O jantar foi coreografado com recheio de cibernética que nos levaram a outra dimensão.

n-pedro-oliveira-rebecca-souza
Os promotores Pedro Oliveira e Rebecca Souza

Falaram na ocasião Mariana Amazonas, a chef Bel Coelho, a perfumista Verônica Sato e sommelier e outro gato Fabricio Navarro. Cada prato servido era apresentado pela chef Bel Coelho. A entrada chamada de Tato era uma salada de ervas, queijo de cabra, maçã-verde crocante, avelãs carameladas com pimenta-rosa e canela, gelatina de lavanda, creme de patchouli e vinagre de champanha. Tudo isso teve a inspiração do perfume Amó.

n-semiramis-wanessa-andrade
Semiramis Andrade e a filha Wanessa

Para o primeiro prato, intitulado de Visão, tivemos uma apresentação de dança com o Grupo Animatrona, onde os dançarinos vestidos de preto tinha como contraponto led. Inspirado no Kaiak degustamos pescada amarela em crosta de noz-moscada com spaghetti de pupunha e capim-santo e molho de yusu e algas. Para servir o segundo prato, foi colocados em nossos ouvidos headphones e de olhos fechados fizemos uma viagem à côté música, pingos de chuvas e canticos de animais.

n-lulu-pinheiro-tonica-brennand
Lulu Pinheiro e Tonica Brennand

Chamado de Audição, Bel utilizou a linha de perfumes Ekos. Nele tínhamos costela de porco cozido em baixa temperatura ao molho de priprioca, chutney de pitanga, purê de mandioquinha, farofa de castanha-do-Brasil com maracujá e ar de mate. Para sobremesa a Natura apelidou de Paladar e foi buscar no perfume Humor a essência principal do prato.

n-flavio-marques-david-morato
Flávio Marques à côté David Morato

Era composto de sorbet de pêra com creme de cereja, coulis de frutas vermelhas, farofa de cookiee de canela, cápsula de azeite de gengibre e caramelo de cravo e pimenta-do-reino. Antes de servir os pratos os promotores, com roupas de Eliete Conte Meyer, traziam um algodão com ensopado de perfume alusivo ao prato. Muita gente ficava com um olho no bofe e outro no perfume.

O Vivo de Alceu Valença

Montado no futuro indicativo de sua eterna embolada do tempo, Alceu Valença atravessa a ponte entre o passado e o presente com uma apresentação exclusiva do show Vivo! no Baile Perfumado, no dia 5 de outubro, às 22h. A banda Ave Sangria faz o show de abertura, reforçando o clima 70´s da noite. Esse encontro entre o presente e o passado vai arrebentar a boca do balão.

alceu-valenca-div
Alceu Valença em tempo de recordar é viver (Foto: Divulgação)

Ao lado dos companheiros Zé da Flauta e Paulo Rafael, que participaram do show original (e do LP de 1976), Alceu e sua banda revisitam as músicas que fizeram a ponte entre rock e os gêneros agrestinos, entre o sertão e o underground. Nas palavras de Alceu: “um rock que não é rock”. Também estão no show Nando Barreto (baixo), Tovinho (teclados), Léo Stegmann (craviola), Cássio Cunha (bateria) e Edwin (percussão).