Fernando Machado

Blog

Tag nivel

Nos Bastidores da Política

O Governo Federal, por meio do Ministério do Desenvolvimento Regional, retomou, no final de quinta-feira, a operação da segunda linha de conjuntos motobomba da estação de bombeamento (EBI-1) do Eixo Norte do Projeto de Integração do São Francisco. Uma parada programada, iniciada em maio deste ano, foi necessária para a manutenção nos motores da estação. Aproveitando a pausa operacional, as equipes de manutenção fizeram a substituição das válvulas borboletas das EBIs 2 e 3.

Até o final de agosto, estarão em operação simultânea todos os conjuntos das três estações de bombeamento. O intervalo de tempo é necessário para que os níveis nos reservatórios atinjam o nível suficiente para possibilitar o bombeamento. Após a conclusão, a expectativa é que o Eixo Norte garanta segurança hídrica a 6,5 milhões de pessoas em 220 cidades da Paraíba, Pernambuco, Ceará e Rio Grande do Norte.

Nos bastidores da Política

O Ministério da Defesa informa que a matéria Hospitais das Forças Armadas reservam vagas para militares e deixam até 85% de leitos ociosos sem atender civis, publicada em 6 de abril, no portal da Folha de S. Paulo, contém graves manipulações, incorreções, omissões e inverdades, que levam o leitor à completa desinformação. Ao contrário do que induz o título da matéria, a grande maioria dos hospitais militares está com quase todos os leitos de UTI ocupados. Na realidade, muitos hospitais militares têm frequentemente removido pacientes para outras regiões para evitar o colapso. Assim como os hospitais civis, a situação varia de acordo com cada região. Os números são críticos e evoluem diariamente.

A Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, vinculada ao Ministério da Educação, já investiu R$ 53,7 milhões e concedeu 1.959 bolsas por meio do Programa de Combate a Epidemias. A iniciativa tem a finalidade de incentivar estudos voltados à prevenção e ao enfrentamento da Covid-19 e outras doenças epidemiológicas.

O ministro da educação Milton Ribeiro participou  da primeira reunião do ciclo de debates do PL 3179/2012, organizada pela Deputada Luiza Canziane, que visa regulamentar a modalidade de educação domiciliar. O grupo de debate também contou com a presença da ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves.

Hoje tem Mister World 2019

Hoje, à noite, no Newport Performy Arts Theater, em Manila, nas Filipinas, acontece a eleição do Mister Mundo de 2019. O vencedor será coroado pelo Mister Mundo de 2017, o indiano Rohit Khandelwal. O concurso foi criado em 1996, por Eric Morley, com sua morte assumiu a esposa Julia Morley, e é realizado bienalmente. O primeiro Mister Mundo foi o belga Thomas Nuyens. O Brasil venceu o concurso em 2003 com Gustavo Gianetti.  Vão participar 72 candidatos. O nível está o pior possível. Um horror.

Mister Canadá, Alessandro Coward (Foto: Alain Lababit)

Os candidatos são Fezile Mkhize (África do Sul), Pascoal Jorge André (Angola), Leonardo Dias Alincastro (Argentina), Grigor Vardanyan (Armênia), Jonathan Berry (Austrália), Alberto Nodale (Áustria), Christian Daniel Terán Anzaldo (Bolívia), Darko Milovic (Bosnia & Herzegovina), Bonalenna Moetsabatho (Botswana), Carlos Wilton Teodoro Franco (Brasil), Na Gi-Wook (Coreia), Temulji Hughes (Ilhas Virgens Britânica).

Mister Chile, Felipe Roja (Foto: Alain Lababit)

Ainda Oliver Staykov (Bulgária), Somkhan Ou (Camboja), Makala Nganda Courtez (Camarões), Alessandro Coward (Canadá), Felipe Rojas Ramirez (Chile), Jorge Iván Gutierrez Figueira (Colômbia), Daniel Esquivel Navarro (Costa Rica), Naim Jassir Pieter (Curaçao), Daniel Andrés Vallejo Arauz (Equador), David Pivaral (El Salvador), Ian Alan Scott Adier (Escócia), Keaton Parker West (Estados Unidos), Daniel Torres Moreno (Espanha).

Mister Coreia, Giwook Na (Foto: Alain Lababit)

Mas Henri Keskküla (Estônia), Tewolde Kiflom Bekele (Etiópia), Wahhab Hassoo (Holanda), Jack Heslewood (Inglaterra), Jody Baines Tejano Saliba (Filipinas), Bright Ofori (Gana), Thomas Tzekos (Grécia), Luigy Manyri (Guadalupe), Joselayt Ebana Miko (Guiana Equatorial), Paulo Anthony Charles (Guiana), Heizen Bastos Vaz (Guiné e Bissau), Moisés Dario Paredes Alavarado (Honduras).

Mister Republica Checa, Jakub Kraus (Foto: Concurso)

Ainda Vishnu Raj Menon (Índia), Radityo Wahyn Senoputro (Indonésia), Wayne Walsh (Irlanda), Kenta Nagai (Japão), Edvins Locmelis (Latvia), Jean-Paul Bitar (Líbano), Owen Hawel (Luxemburgo), Yong Kian Yik (Malasia), Daryl Azzopardi (Malta), Alexandre Curpanen (Mauricius), Brian Arturo Faugier Gonzalez (México), Sai Kaung Min Htet (Mianmar), Nemanja Kaludjerović (Montenegro), Sai Kaung Min Htet (Nepal).

Mister Tailândia, Anakin Nontiprasit (Foto: Alain Lababit)

Também José Antonio Vallejos Pérez (Nicarágua), Prince Nelson Enwerem (Nigéria), Adam Steenson (Irlanda do Norte), Algis González (Panamá), Alberto Magno Silva Romero (Paraguai), Jano Carper (Peru), José Humberto Cotto Rodríguez (Porto Rico), Robert Cula Budi (Quênia), Jakub Krauś (Republica Checa), Alejandro Martínez (Republica Dominicana), Denis Pavlevich Khadyko (Rússia).

Alejandro Martinez, Jack Heslewood,  Jorge Nuñez, Jody Baines Saliba e Brian Faugir, os Top Model

E finalmente Learie Hall (Santa Marta), Makalio Junior Matalio Alai (Samoa), Nikola Bocanin (Servia), Mohamed Kamanoh (Serra Leoa), Hugo Ong Jun Hui (Singapura), Manoj Suranga da Silva (Sri Lanka), Deng Aguer (Sudão do Sul), Anakin Nontiprasit (Tailândia), Mikaele Henry Ahoma (Tonga), Jorge Eduardo Nuñez Martinez (Venezuela), e Trần Công Hậu (Vietnã).

Anotações do Cotidiano

Vinte e seis pesquisadores dos Estados Unidos, cujas teses de mestrado e doutorado envolvem assuntos relacionados ao Brasil, estão no país para um período de pesquisas de nove meses em universidades e instituições brasileiras. A iniciativa é da Comissão Fulbright, da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, fundação vinculada ao MEC, e da Embaixada dos Estados Unidos no Brasil.

O embaixador dos EUA, P. Michael McKinley, entre os professores norte-americanos (Foto: Embaixada)

Victor Eustáquio, Luana Passos e Roberta Monteiro, da Clínica Somar, vai realizar em abril, uma série de palestras gratuitas, por conta do dia mundial de conscientização do autismo. As palestras acontecerão em escolas públicas e privadas com distribuição de material educativo sobre escola inclusiva. Para receber o evento basta fazer um cadastro no site www.somarrecife.com.br.

  • 1 2