Fernando Machado

Blog

Tag naval

Fatos Diversos

Concorrendo com mais de 5 mil alunos do Brasil, dois dos três pernambucanos são estudantes do Colégio Motivo e garantiram vaga no concurso da Escola Naval 2021, instituição de ensino superior da Marinha do Brasil, que tem como objetivo formar oficiais para os postos iniciais das carreiras. Os escolhidos foram Bruno Augusto Cavalcanti da Silva, 19, e João Pedro Souto Maior Braga, 19.

Bruno Augusto Cavalcanti da Silva e João Pedro Souto Maior Braga na Escola Naval (Fotos: Araçá Produções)

Associação dos Advogados de São Paulo promove nos dias amanhã e quarta-feira, sempre às 19h, o webinar gratuito PL n° 5.516/2019 – Mecanismos de reestruturação e recuperação dos clubes de futebol. O projeto possibilita a recuperação judicial de clubes de futebol. Participam da abertura Viviane Girardi (presidente da AASP) e o senador Carlos Portinho. Inscrições no https://www.aasp.org.br/eventos/ ou em mla.bs/19f45afa.

Presidente Bolsonaro na Escola Naval

Presidente Jair Bolsonaro participou, sábado, de cerimônia de juramento à Bandeira e entrega do Espadim a alunos da turma Almirante Bosísio, da Escola Naval, no Rio de Janeiro. O evento marca o encerramento do primeiro ano de preparação para o oficialato e a incorporação dos aspirantes à Marinha. São 170 alunos, sendo 12 mulheres e sete estrangeiros de Camarões, Namíbia e Senegal, que participam da turma por meio de acordo de cooperação do Brasil com esses países. Em cerimônia na Escola Naval, o Presidente Jair Bolsonaro entregou o Espadim ao chefe de classe Matheus Reis Silveira. Em discurso aos alunos, o ministro da Defesa, general Braga Netto, ressaltou a importância dos jovens militares na defesa da liberdade, progresso e democracia.

O presidente Bolsonaro passando revista na tropa (Foto:  Marinha)

A Escola Naval é a instituição de ensino superior mais antiga do Brasil e forma oficiais para os postos iniciais das carreiras dos Corpos da Armada, Fuzileiros Navais e Intendentes da Marinha. Atualmente, conta com 807 aspirantes. Foi criada em 1782, em Lisboa, Portugal, sob a denominação de Academia Real de Guardas-Marinhas. Com a vinda da Família Real para o Brasil, a Academia desembarcou no Rio de Janeiro em 1808. Em um primeiro momento, foi instalada no Mosteiro de São Bento e lá permaneceu até 1832. Depois de várias mudanças, em 1938 passou a funcionar na Ilha de Villegagnon.

Fatos Diversos

A Escola de Guerra Naval realizará no próximo dia 26, às 14h30, o Seminário virtual 40 Anos da Mulher na Marinha – Lições e Aprimoramentos, que abordará a evolução dessa jornada das militar e da própria Instituição, com foco especial no impacto da iniciativa tomada pela Marinha do Brasil 40 anos atrás na sociedade brasileira. Para mais informações e inscrição, visite a página da EGN (www.egn.mar.mil.br).

Após quatro anos de pesquisas, Ana Paula Araújo escreveu o livro Abuso – A cultura do estupro no Brasil, que sai em outubro. O livro é uma análise corajosa e sem meias-verdades. Trata do medo e vergonha das vítimas, pela sociedade e pelo poder público, das dificuldades para denunciar, dos caminhos para superar o trauma e seguir em frente e como atitudes tão entranhadas em nossa sociedade geraram uma verdadeira cultura do estupro em nosso país.

Anotações do Cotidiano

A Marinha do Brasil, por intermédio do Comando do 3º Distrito Naval, informa que, em decorrência do COVID-19, está adiada a aplicação das provas do processo seletivo para o Serviço Militar Voluntário de Praças temporárias, marcada para o próximo dia 22, em todo o Brasil. Uma nova data será definida para a aplicação das provas. Solicita-se que os candidatos de Natal-RN acompanhem as atualizações do certame no (https://www.marinha.mil.br/com3dn/).

A dermatologista Vanessa Nóbrega (Foto: Divulgação)

A dermatologista Vanessa Nóbrega lembra “Para quem atua com maquiagem e lida diariamente com um alto fluxo de clientes nos institutos de beleza, é fundamental limpar, por exemplo, os pincéis após cada trabalho ou, se o próximo cliente entra logo após o anterior, procurar outro conjunto de pincéis. Em relação aos produtos, como corretivo e batom, é recomendado não passá-los diretamente na pele”.

 

  • 1 2 8