Fernando Machado

Blog

Tag musicas

Fatos Diversos

Entre 21 e 23 de outubro, no Hotel Armação Resort, de Porto de Galinhas, vamos ter a VI Jornada Pernambucana em Urologia e também o II Simpósio das Ligas Acadêmicas em Urologia. A comissão cientifica e organizadora é formada por Moacir Cavalcante, Renan Éboli, Antônio César Cruz, Evandro Falcão, Járys Borges e Tibério Moreno Jr.

A Tintas Iquine levará suas soluções criativas e inovadoras pelas cores à Mostra Rio Mar Casa 2021, maior plataforma de marketing e negócios para arquitetura e decoração do Nordeste. O evento começou quinta-feira, no Shopping RioMar Recife, proporcionará, nos seus 45 ambientes, uma jornada inspiradora dos visitantes com as tendências de decoração de ambientes e design contemporâneo. Lembra Magaly Marinho, gerente de marketing da Iquine.

Dois famosos compositores do forró nacional, os pernambucanos Chrystian Lima e Ivo Lima concederam os direitos autorais de diversas obras para a empresa Músicas do Brasil, braço musical da Hurst Capital, possibilitando que investidores diversifiquem seus portfólios aplicando dinheiro em royalties musicais. Para o CEO da Hurst, Arthur Farache, a operação de recebíveis com as obras de Chrystian Lima e de Ivo Lima, é uma ótima oportunidade para quem deseja obter ganhos maiores do que a renda fixa sem deixar de lado a segurança.

Fatos Diversos

A FGV CPDOC vai promover, segunda-feira, às 14h, o webinar Lugar de mulher é no estádio: torcedoras de futebol ontem e hoje. O encontro contará com a presença da Mestre em Cultura e Sociedade da UFBA, Carolina Farias Morais; da Doutoranda em História Política Bens Culturais da FGV, Daniela Araújo; e da Doutoranda em História da UFF, Nathália Fernandes. O webinar será mediado pelo professor Bernardo Buarque. A transmissão ao vivo pelo YouTube FGV. Clique aqui, para fazer a inscrição.

Com uma seleção de mais de 15 músicas que marcaram o teatro musical, ganham agora versões inéditas e exclusivas em formato in concert, apresentadas por Fabi Bang e Jarbas Homem de Mello, e orquestradas pelas mãos do Maestro João Carlos Martins. A apresentação acontece amanhã, às 20h, no Teatro Santander, no JK Iguatemi. O será realizado Live no www.youtube.com/JoaoCarlosMartinsOficial e no www.facebook.com/maestrojoaocarlosmartins.

Bravo, Bella Schineider!

O Centro Cultural Brasil-Alemanha (CCBA) promove uma apresentação da cantora e compositora Bella Schneider hoje, às 19h, pelo canal do espaço cultural no YouTube. Para esse pocket show especial, a pernambucana preparou versões acústicas para músicas de alemães como Tim Bendzko e Phillip Poisel e de artistas de outros países, como a norte-americana Lady Gaga e a inglesa Dua Lipa. Também fez versões para composições próprias que integram o primeiro álbum de estúdio dela. Lançado em novembro de 2020, “ELA” está disponível em várias plataformas de streaming.

Bella Schneider (Foto: Johann Schneider)

Parte dessa mistura se dá pelo fato de que a artista tem familiares alemães, como é possível imaginar por causa do sobrenome desta pernambucana. Bella Schneider já morou no país europeu e, em 2020, tornou-se Alumni CCBA para aprofundar seu conhecimento do idioma. Essa é, por sinal, uma escolha comum entre pessoas que têm familiares em outros países ou mesmo que passaram a infância nestes lugares, pois assim elas podem estudar questões gramaticais específicas, por exemplo.

A cantora e compositora Bella Schneider (Foto: Johann Schnieder)

Tão importante na vida de Bella Schneider, a música faz parte do processo de aprendizado da artista. Bella Schneider, que também canta em inglês e espanhol, compôs recentemente uma homenagem para a sua Oma / avó, Christina Petronella Schneider. Nascida no Recife, Bella Schneider ficou nacionalmente conhecida ao participar da quarta temporada do programa The Voice Brasil. Mas ela começou a se interessar pela música bem antes: Compôs a primeira música aos 5 anos de idade e, aos 8, começou a ter aulas de piano, canto, dança e teatro. Aos 11 anos, Bella Schneider se apresentou como solista de um coral no Recife e ganhou bolsas de estudo no Brasil e Europa.

Concurso de Músicas Carnavalesca de 1956

Os grandes Capiba e Nelson-ferreira (Foto: Divulgação)

Hoje faz 65 anos que acontecia no Palácio do Radio, Rádio Clube de Pernambuco, o Concurso de Músicas Carnavalescas. Na categoria Frevo de Rua o 1º lugar foi a música Alvorada de Carnaval de Miro de Oliveira, no 2º lugar ficou Nas Asas do Frevo de Mauricio Viana, e no 3º lugar ficou Vale Tudo de Carnera.

O compositor Miro de Oliveira (Foto: Divulgação)

Os irmãos João e Raul Valença (Foto: Divulgação)

Na categoria Frevo canção a vencedora foi a música O Passarinho Come dos Irmãos Valença, no 2º lugar ficou Amanhã eu chego lá e O Que é que vou dizer de Capiba, no 3º lugar ficou Viva a Banana de Marambá, no 4º lugar Cangote Dela de Nelson Ferreira e no 5º lugar Me dá um cheirinho Italiana de Sebastião Lopes.

O compositor Carnera (Foto: Diário da Manhã)

  • 1 2 6