Fernando Machado

Blog

Tag música

Fatos Diversos

Começa hoje, às 19h, no Conservatório Pernambucano de Música o Festival de Musica Instrumental. Vão se apresentar o acordeonista Julio César e a violonista Laís Assis. Amanhã, no mesmo horário, estará o violoncelista Pedro Huff e na quinta-feira, também às 19h, o Amaro Freitas Trio formado por Amaro Freitas (piano digital), Hugo Medeiros (Bateria) e Jean Elton (contrabaixo acústico). Também será transmitido pelo canal oficial do YouTube do CPM.

A Associação Brasileira de Shopping Centers e a Associação Brasileira de Franchising preparam para 2022 um retorno presencial do público a feiras e eventos com o que promete ser o maior evento do varejo no ano: a fusão da Exposhopping e do Congresso Internacional de Shopping Centers, à Franchising Expo e ao Congresso Internacional de Franchising. Os presidentes Glauco Humai (Abrasce) e André Friedheim (ABF) estão em estado de graça.

Pausa Poética

“Tu devolveste / Meu retrato, minhas cartas / E os presentes / Nada disso eu aceitei / O que eu só faço / Questão de receber e devolver / São os beijos que te dei!” Ismael Silva (1905/1978)

Pausa Poética

“O bem vencera o mundo, mesmo que o mal faça mais barulho”. Papa Bento XVI

Anotações do Cotidiano

Em uma proposta ousada e inédita, a Orquestra Ouro Preto e o Desvio unem a percussão brasileira e a música de concerto com a tecnologia para celebrar a grandiosidade dos ritmos do Brasil. Para além das plataformas de streaming, o novo trabalho foi lançado também em plataforma multimídia. Nele serão mostrado a beleza do maracatu, samba, frevo, afoxé e outros ritmos que marcam a identidade da cultura nacional em releituras inéditas. Para o Maestro Rodrigo Toffolo, idealizador do projeto, o novo álbum reafirma o compromisso da Orquestra na valorização da música e da cultura brasileira. Veja no site https://www.orquestraouropreto.com.br.

A partir de sábado, o público infantil terá a oportunidade de conferir o espetáculo Catastrôfe, que será apresentado exclusivamente no Facebook. Idealizado pela Companhia das Rosas, Catastrôfe é um espetáculo de teatro de bonecos e circo, em formato audiovisual. Em cena, a história de Rosa, uma menina que, em período de isolamento social, sente-se sozinha e chateada. Dentro do seu quarto, cria um circo com seus bonecos e consegue se comunicar com seus vizinhos através a da sua janela. O show é livremente inspirado no livro O Circo Catástrofe de Benjamin Chaud, em que a protagonista adora o circo e cria peripécias arriscadas dentro de casa.