Fernando Machado

Blog

Tag lustre

A noite de Pedro Mazzarolo Vizeu

Jô Mazzarolo, Pedro, Alfredo Vizeu e João (Foto: Fernando Machado)

Carolina Luca e Padre Rinaldo Pereira (Foto: Fernando Machado)

Quem passar pela Rua do Apolo, no Recife Antigo, poderá admirar um casario do final do século XVIII, no estilo colonial português. Ele já foi prostíbulo, depois virou o Restaurante Dom João e atualmente é uma casa de recepção vipérrima, chamada Casa de Actus, leia-se Murilo Amorim e Marcos Simão. O conjunto arquitetônico é formado por quatro pisos de a gente ficar de boca aberta com as peças daqueles colecionadores.

André Faro, Pedro, André Emery e Rodrigo George (Foto: Fernando Machado)

Marina Cordeiro, Bebeca Mendes, Ana Clara Lins e Luiza Delgado (Foto: Fernando Machado)

O projeto do espaço é do arquiteto Marcos Simão. Na sala principal cai do teto um lustre de Baccarat dando aquele toque de belle epóque. Na sala anexa temos outro lustre de Baccarat e uma lamparina do século XIX e a gente não sabe se olha para eles ou para as estantes do século XIX, que pertenceram a Livraria Universal, com recheio de prataria portuguesa e francesa, para os biscuits franceses, para as pinhas portuguesas ou para a imagem de São José tão antiga quanto o local.

Fernando Victor, Pedro, Otávio Marques e Felipe Sampaio (Foto: Fernando Machado)

Clarissa Valadares, Ana Luisa Carvalho e Barbara Caldas (Foto: Fernando Machado)

Sim ia me esquecendo do espaço dedicado aos achados arqueológicos portugueses e holandeses daquele bairro. Todo esse acervo de antiguidades é do colecionador Murilo Amorim. Pois foi nesse cenário cheio de histórias e obras de arte que Pedro Mazzarolo Vizeu Pereira reuniu os amigos, terça-feira, para jantar a fim de comemorar sua formatura de Engenharia Mecânica da UFPE. Pedro muito elegante recebia os convidados ao lado da mãe, Jô Mazzarolo, do pai Alfredo Vizeu e do irmão João.

Marcelo Carrilho, Pedro, Danilo Reis e Roberto Maia (Foto: Fernando Machado)

Angélica Tasso (Foto: Fernando Machado)

O fundo musical foi com a Banda Retrato e Canções. No setlist samba, blues, rock, jazz e até frevo canção. A geração dourada adorou o repertório. A decoração estava linda, com castiçais e arranjos de rosas, gypsophilas, alstroemérias, lisiantos e asclepcias. Foi uma noitada maravilhosa e de muita interação. Os teens dominaram o encontro e curtiram a mesa de frios composta de queijos nacionais e importados, pães italianos, portugueses e brioches.

Marco Amorim, Pedro e Hugo Thom (Foto: Fernando Machado)

Izabel, Camila, Marta, Juliana, Jô e Geovana Mazzarolo (Foto: Fernando Machado)

Ainda tinha pernil de presunto home made, defumado, salames especiais: italianos, espanhóis, canadenses, portugueses e pastas diversas: de berinjelas, de queijos, de tomates secos, de azeitonas etc. Para coquetel cestinhas filo ao creme quatro queijos, vol-au-vent de camarão ao creme com ervas de Provence, vol-au-vent de salmão defumado ao creme com geléia de Damasco. O jantar grifado por Marcos Simão, era de se comer rezando para Nossa Senhora Mãe de Deus, afinal de contas pároco da Concatedral da Madre Deus, Padre Rinaldo Pereira estava lá.

Rodrigo Vidon, Eduardo Carvalho, Pedro e Theo Guedes (Foto: Fernando Machado)

Talitha Didier e Pedro Mazzarolo Vizeu (Foto: Fernando Machado)

Tinha tomates Crevettes Surmonté le four avec des tranches de griller les amandes. Filetino de filé mignon com purê de mandioquinha. Para sobremesa bolo de Souza Leão by Betânia Amorim (receita de família), bolo de rolo leia-se Casa dos Frios, uvas recheadas e brigadeiros de duas cores. Tudo servido com talheres de prata e lousas também inglesas do século XIX. Acho que todos saíram de lá com aquele gostinho de quero mais.

Carolina Duca, Arísio Coutinho e Jô Mazzarolo (Foto: Fernando Machado)

Beatriz Ivo (Foto: Fernando Machado)

Luiza + Simone = Casa Cor PE

O blog começa hoje a focalizar os espaços da Casa Cor de Pernambuco 2016. O primeiro que escrevemos é o das arquitetas Luiza Nogueira e Simone Lima que assinaram a Varanda Rui Barbosa. Os vitrais e os pisos de ladrilho fazem o casamento do moderno e com o clássico. Daí surge à harmonia, em contraponto com a história do palacete secular da Avenida Rui Barbosa, nas Graças.

simone-lima-luiza-nogueira2

Simone e Luiza se preparando para o chá (Foto: Fernando Machado)

simone-lima-luiza-nogueira3

Simone e Luiza diante das obras de Vitalino e Angela Agra (Foto: Fernando Machado)

Luiza e Simone mantiveram a estrutura do local, dando um toque pessoal ao ambiente. Um lustre de Baccarat da década de 30, estilo Art Décó, de cristal e bronze, cai majestosamente sobre a mesa PI, da Casapronta; e as poltronas da Saccaro dão o toque de requinte. Nas paredes uma tela de João Câmara, quatro fotos do Recife da década de 30, grifadas por Angela Agra e além uma peça do Mestre Vitalino mostram que os pequenos detalhes são importantes para uma varanda.

Fiat, Imprensa & Confraternização

a-marco-antonio-lage-roberto-baraldi-rosangela-coelho

Marco Antônio Lage, Roberto Baraldi e Rosangela Coelho (Foto: Fernando Machado)

Os holandeses ou mesmo portugueses nunca poderiam imaginar que aqueles dois casarios do século 18, na Rua do Apolo, no Recife Antigo, fossem se transformar num verdadeiro santuário de charme e elegância para recepções. Estou me referindo a Casa de Actus, leia-se Murilo Amorim e Marcos Simão. O local é do estilo colonial português, e nele muita história e estórias. Já foi prostíbulo e o Restaurante Dom João. A Casa de Actus reúne nos quatro pisos, peças de artes que é muitos museus não tem.

a-juliana-pessoa-luciana-nunes

Juliana Pessoa e Luciana Nunes (Foto: Fernando Machado)

Na sala principal surge um lustre de Bacarat. Noutro compartimento nossos olhos passeavam pelas estantes do século XIX, que foram da Livraria Universal, onde estão pratarias portuguesas e francesas, assim como biscuits franceses. As imagens de Nossa Senhora da Conceição e São José são dois colírios para nossos olhos. Tem um espaço dedicado aos achados arqueológicos do Recife Antigo.

a-gianfrancesco-mello-nadya-alencar

Gianfracesco Mello e Nadya Alencar (Foto: Fernando Machado)

Pois foi que a confraternização da imprensa da Fiat Chrysler Automobiles, sem medo de errar a mais coroadas de todas, já realizadas no Recife. Recebendo a imprensa pernambucana estavam Marco Antônio Lage (diretor de Comunicação) e seus auxiliares, como Roberto Baraldi, Luciana Costa e Rosangela Coelho. Antes, Marco Antônio, tinha lançado o livro O Mundo pode ser melhor – Árvores da Vida.

a-heudes-regis-adriana-guarda

Heudes Régis e Adriana Guarda (Foto: Fernando Machado)

Tivemos a fala de Marco Antônio, que agradeceu aos jornalistas e sua equipe pelo trabalho desenvolvido em Pernambuco. Como Rosangela Coelho está deixando a empresa, a presenteou com um miniquadro assinado por Joana Lira. Claro que ela, que de Santa Catarina, agradeceu, confessou que estes dois anos de Recife trabalhando na Fiat, nunca mais serão esquecidos.

a-angela-belfort-juliana-sampaio-rochelle-dantas-tatiana-notare

Angela Belfort, Juliana Sampaio, Rochelle Dantas e Tatiana Notare (Foto: Fernando Machado)

Foi um encontro petit comité, onde os jornalistas, os que não foram não sabe o que perdeu, mas lendo o blog vai ficar roxo de raiva. O bufê era de se comer rezando para Nossa Senhora da Conceição e São José. Tínhamos uma mesa de queijos, digna de ser fotografada para as revistas de culinária. Um pequeno detalhe, os talhares eram de prata portuguesas e as louças (francesas, italianas e chinesas).

a-dj-ed-santos

O DJ Ed Santos (Foto: Fernando Machado)

Para o coquetel foi servido patê phyllo com creme de queijos e slamão defumado, patê phyllo a três queijos e geleia, vol-au-vent de camarões ao creme com ervas de provence e coquilles Saint-Jacques servido em vieras. Para jantar tivemos duas opções filé ao molho madeira com mini batatas ou purê de mandioquinha, além de bacalhau ao creme com arroz de limão. Eu degustei os dois. E sabe qual era o melhor? Não sei.

a-rosangela-coelho-ennio-benning-cecilia-ramos

Rosangela Coelho, Ennio Benning e Cecilia Ramos (Foto: Fernando Machado)

Para sobremesa bolo Souza Leão, uma receita é um segredo da famiíia de Betania e Murilo Amorim. Uma dica tem mais de 200 anos, e bolo de rolo. Tudo isso regado a uísque Johnny Walker Black 12 anos. O vinho branco era Castillo de Molina fromChile e o tinto Premium 2 Wine, também chileno. Sem dúvida um encontro que ficou com gostinho de quero mais. Sorry periferia.

a-silvio-menezes-walter-souza

Sílvio Menezes e Walter Souza (Foto: Fernando Machado)

Parabéns, Sílvia Carvalheira!

b-mariana-douglas-sampaio-silvia-carvalheira

Mariana e Douglas Sampaio com Silvia Carvalheira (Foto: Fernando Machado)

A senhora Silvia Carvalheira, em grande noite num modelo coral by Emporio HD, comemorou seus 70 anos, sábado, à noite, na Casa de Actus, por sinal a mais deslumbrante casa de eventos do Recife e quiçá do Nordeste. O espaço, um casario do final do século XVIII, no estilo colonial português, que já foi prostíbulo e o Restaurante Dom João. A Casa de Actus, que pertence aos colecionadores Murilo Amorim e Marcos Simão, reúne nos quatro pisos peças de artes que é um verdadeiro colírio para nossos olhos.

b-suzana-azevedo

A artista plástica Suzana Azevedo (Foto: Fernando Machado)

Na sala de entrada cai do teto um lustre de Bacarat, dando aquele toque de glamour. Noutra sala temos um lampadário de prata portuguesa surgia do teto, que deixava nossos olhos sem saber para onde olhar. Neste local tem estantes do século XIX, que foram da tradicional Livraria Universal, localizada no Recife Antigo, no recheio pratarias portuguesa e francesa, biscuits franceses e várias coleções de artes. Um desavisado pensaria que está sonhando e que está na Itália.

b-elba-fernandes-galba-cardoso-tereza-petribu

Elba Fernandes, Galba Cardoso e Tereza Petribu (Foto: Fernando Machado)

Há um espaço dedicado aos achados arqueológicos do Recife Antigo e isso parece um colírio para nossos olhos. Silvia recebia os convidados ao lado da filha Mariana e do genro Douglas Sampaio. O fundo musical dos mais ecléticos começou com MPB, passou pelos fados, pelo forró e termino no frevo. A banda Retratos & Canções, de Marcus Castelo Branco, tocou Nelson Ferreira, Capiba, Luiz Bandeira e Getulio Cavalcanti. E os convidados lotaram o dancing improvisado, neste momento de carnaval pernambucano.

b-caio-falcão-silvia-carvalheira-rafael-brotherhood

Silvia Carvalheira com os netos Caio Falcão e Rafael Brotherhood (Foto: Fernando Machado)

Meia noite tivemos os tradicionais parabéns para você cantado por um coral de 120 vozes e também o corte do bolo, by Jéssica Pereira, inspirado na decoração da Casa de Actus. Tivemos várias falas de saudações para Silvia Carvalheira, e no final todos de mãos dadas rezaram o Padre Nosso. A aniversariante que parente dos famosos Arthur, Fernando e Zezé Carvalheira, que marcaram época no Náutico, fez um belo discurso. A decoração era apenas detalhe com lírios, gypsophilas, orquídeas, boca de leão e folhagem, para muitos chamada de bambu.

b-fatima-guerra

Fátima Holanda Guerra (Foto: Fernando Machado)

O bufê era de se comer rezando para Nossa Senhora da Conceição, e foi assinado por Rosemary Andrade e Marcos Simão. Na mesa de frios, vários tipos de queijos, pernil, presunto, salames, Parma, pães torrados, geleia e patês. No cardápio conchinha de creme de queijo com geleia de laranja, pate philo de salmão com pimentinha vermelha, vol au vent de camaraão, bacalhau confinado no azeita com batata ao murro, vieiras servidas em coquilles Saini Jacques, filetinho de filé mignon com purê de mandioquinha.

b-tereza-brandão-lena-costa

Tereza Brandão e Lena Costa (Foto: Fernando Machado)

Para sobremesas vários tipos de doces de Mariana Parini, bolo de rolo e o tradicional Bolo Souza Leão, segredo culinário centenário da família de Betania e Murilo Amorim. Tudo isso regado a espumante Nero Brut, vinho rosé chileno e uísque Johnny Walker Black. Informação importante: os talheres era de prata portuguesa e a louçaria chinesas, francesas e japonesas. Sem dúvida um encontro très chic e elegante.

b-marcos-simão-betania-murilo-amorim

Marcos Simão, Betânia e Murilo Amorim (Foto: Fernando Machado)

  • 1 2