Fernando Machado

Blog

Tag literatura

Pausa Poética

“Quando parei de fazer fotos, não me incomodou porque havia tantas coisas que eu não tinha feito. Nunca tinha aprendido a administrar uma casa. Não sabia cozinhar. Eu não sabia fazer compras. Então, todas essas coisas preencheram todas as lacunas”. Alice Faye (1915/1998)

Pausa Poética

“A melhor propaganda anticomunista é deixar um comunista falar”. Paulo Francis (1930/1997)

Pausa Poética

“Nenhum ser humano nasce igual a outro. Cada ser que nasce é uma aventura biológica, um risco que a vida assume. Um pioneiro”. Valdemar de Oliveira (1900/1977)

Pausa Poética

“Depois de conhecer a humanidade / suas perversidades / suas ambições / Eu fui envelhecendo / E perdendo / as ilusões / o que predomina é a maldade / porque a bondade: Ninguém pratica”. Carolina Maria de Jesus (1914/1977)