Fernando Machado

Blog

Tag floresta

Esquinas do Mundo

A escola de samba Acadêmicos do Salgueiro chegou neste carnaval com o enredo Resistência – uma homenagem e reforço histórico de grandes personalidades negras do Brasil, entre eles Mercedes Baptista: a primeira negra a integrar o corpo de baile do Theatro Municipal do Rio de Janeiro e que completaria 100 anos em 2021. Ao longo da apresentação, Mercedes se transformou em Ingrid Silva, surpresa da escola para o carnaval deste ano. Após essa transição alegórica de personagem, ela foi elevada e uma altura de 3 metros e reverenciada por esses heróis negros enquanto dançou na ponta com sua sapatilha cor de pele na Marquês de Sapucaí. Os heróis do passado reverenciam uma personalidade do presente que inspira e mostra possibilidades para uma nova geração.

A bailarina Ingrid Silva foi destaque na Salgueiro (Foto: Face)

O Panamá está comprometido em traçar um caminho que conecta viajantes aos seus patrimônios e comunidades locais. Rico em atrativos naturais tem um terço das áreas de floresta tropical protegidas, incluindo ecossistemas mais estudados do mundo. Com uma nova marca turística, intitulada Viva Mais, o país está focado no turismo do futuro e em receber mais viajantes conscientes. “Estamos falando de um mercado de grande potencial emissor, sempre ávido por viajar. E que atualmente responde por 5% do fluxo turístico de 1.9 milhão de turistas internacionais, ocupando a terceira posição de interesse, atrás apenas dos Estados Unidos e Colômbia”, explica o CEO da PROMTUR Panamá, Fernando Fondevila.

Bok Tower Gardens da Flórida

Desde o dia 20 de março, as numerosas espécies de flores da América do Norte começaram a florescer, dando início à tão esperada primavera. Na Flórida, uma atração peculiar se destaca para quem ama estar perto da natureza: os Bok Tower Gardens. Localizados na região do Lake Wales, na Flórida Central, a alguns quilômetros de Orlando, os jardins encantam a todos, não apenas por sua beleza, mas por sua impressionante história de quase 100 anos.

A Torre que canta (Foto: Divulgação)

Bok Tower Gardens foram criados por Edward W. Bok em 1927 para ser um ambiente relaxante na floresta, servindo como uma visita obrigatória para aqueles que desejam desfrutar de momentos de tranquilidade. Há atenção especial para as crianças na área do jardim infantil Hammock Hollow Children’s Garden area. O espaço tem 18 seções para crianças, fazendo o local o refúgio perfeito para toda a família.

As crianças curtindo os jardins (Foto: Divulgação)

Também são o lar da famosa Singin Tower (Torre que Canta), um edifício construído em estilo gótico e Art-Déco com 62 metros de altura e equipado com um carrilhão de 60 sinos, o que a tornando o maior instrumento musical do mundo. Lá também existe uma biblioteca com arquivos raros que existem no local e o Pinewood State, uma mansão histórica da década de 1930.

Bastidores da Política

A investigação de casos suspeitos de reações adversas às vacinas Covid-19 que vêm sendo aplicadas no Brasil é realizada pelas autoridades de saúde locais responsáveis e pelos detentores do registro, contando com o apoio da Secretaria de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde. A Fiocruz, por meio do Instituto de Tecnologia em Imunobiológicos, é responsável pelas ações de farmacovigilância dos produtos de seu portfólio, previstas na RDC nº 406/2020, que dispõe sobre as Boas Práticas de Farmacovigilância para Detentores de Registro de Medicamento de uso humano.

Os turistas cadeirantes ou com mobilidade reduzida que forem visitar a Floresta Nacional de Brasília terão à disposição cinco cadeiras de rodas adaptadas para o transporte em trilhas de ecoturismo na unidade. A iniciativa do Governo Federal, desenvolvida por meio do Ministério do Meio Ambiente, faz parte de um amplo programa que tem como objetivo potencializar o turismo ecológico nas unidades de conservação federais, além de promover o desenvolvimento econômico do entorno dos locais e fomentar a geração de emprego e renda no setor turístico.

Eliane Thompson vence o Miss Guanabara de 1970

Eliane Thompson desfilando na passarela (Foto: Manchete)

Hoje, faz 50 anos, que Eliane Fialho Thompson, do Floresta Country Club, era eleita no Pavilhão de São Cristóvão, no Rio de Janeiro, Miss Guanabara de 1970, que recebeu a faixa da Miss Guanabara de 1969, Mara de Carvalho Ferro. As apresentadoras foram Marly Bueno e atriz Leila Santos. Marlene Louzada do Vitória Tênis Clube foi eleita Miss Simpatia. Participaram do concurso 24 candidatas. O Maracanazinho sofreu um incêndio e teve que ser transferido o local do concurso.

Mara de Carvalho Ferro e Eliane Fialho Thompson (Foto: O Cruzeiro)

No Top 8 ficaram Maria de Lourdes Veiga (Botafogo), Rosa Maria de Almeida Matos (Vila Isabel), Rosária Maria de Lima (Casa do Marinheiro), Rejane de Resende Simões (Flamengo), Eliane Fialho Thompson (Floresta), Sandra Maria Santos de Souza (Marã), Sônia Silva (Renascença), Maria Helena Leal Lopes (Telefônica). Resultado final: no 4º lugar ficou Rejane de Resende Simões, no 3º lugar ficou Sônia Silva, no 2º lugar ficou Maria Helena Leal Lopes e a vencedora foi Eliane Fialho Thompson.

Rejane Simões, Sônia Silva, Eliane Thompson e Maria Helena Lopes (Foto: Manchete)

Na comissão julgadora estavam Patrícia Lacerda (Miss Distrito Federal de 1954), Vera Lucia Couto (Miss Brasil Internacional de 1964), Maria Raquel de Andrade (Miss Brasil de 1965), Ana Cristina Ridzi (Miss Brasil de 1966), Vera Lucia Castro (Miss Guanabara de 1967), Carlos Rangel da Revista O Cruzeiro, Oscar Bloch da Revista Manchete, o jornalista Henrique Pongetti, o compositor Billy Blanco, o ministro Venâncio Igrejas, Otacilio Braga Diretor de Turismo do GB e a coreografa Elba Barbosa Nogueira.

Maria Augusta dando instruções ao Top 8 (Foto: O Cruzeiro)

Participaram do concurso: Maria de Lourdes Veiga (Botafogo Futebol e Regatas), Rosa Maria de Almeida Matos (Associação Atlética Vila Isabel), Rosária Maria de Lima (Casa do Marinheiro), Dina Teles (Clube Vila da Feira), Maria Célia Ferreira de Almeida (Clube Canaveral), Rejane de Resende Simões (Clube de Regatas Flamengo), Lindalucia Poncioni Paraizo (Clube Orfeão Portugal), Maria Helena Faria (Clube Professorado).

As candidatas na plataforma da piscina do Flamengo (Foto: Manchete)

Também Rosane da Silva Paredes (Clube de Regatas Vasco da Gama), Eva Maria Roncek (Clube Esportivo Petrobrás), Arlene Maia (Esporte Clube Anchieta), Eliane Fialho Thompson (Floresta Country Club), Lúcia José Pereira (Grêmio Recreativo Cacique de Ramos), Valquíria Príncipe Figueiredo (Grêmio Social Rio), Sandra Maria Santos de Souza (Marã Tenis Clube), Maria Gloria Florêncio Nunes (Olímpico Clube).

Outro grupo de candidatas na plataforma da piscina do Flamengo (Foto: Manchete)

E  finalmente Maria de Fátima Guimarães Braga (São Cristóvão Imperial), Amélia Gomes de Oliveira (Sampaio Atlético Clube), Célia Regina Rodrigues Pereira (Sport Clube Minerva), Helena Sábados (Suruí Atlético Clube), Sônia Silva (Renascença), Maria Helena Leal Lopes (Telefônica Atlético Clube), Sandra Mendes Freire (Várzea Country Clube) e Marlene Louzada (Vitória Tênis Clube).

Rosaria Lima, Maria Helena Leal Lopes, Eliane Thompson, Maria de Lourdes Veiga, Rosa Maria Matos e Rejane Simões (Foto: O Cruzeiro)

  • 1 2