Fernando Machado

Blog

Tag Exército

Nos Bastidores da Política

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) informa tratar-se de golpe as recentes ligações para que aposentados façam a prova de vida on-line, por causa da pandemia da Covid-19. Na ligação, os golpistas citam todos os dados pessoais do aposentado e enviam uma mensagem, por WhatsApp, pedindo-lhe que envie uma foto de um documento para finalizar o processo. O INSS alerta a quem receber esse tipo de chamada que simplesmente desligue o telefone e não forneça qualquer tipo de informação, pois o Instituto não faz contato telefônico para procedimento de prova de vida.

O secretário nacional de Desenvolvimento e Competitividade do Turismo do Ministério do Turismo, William França, entregou sexta-feira 500 exemplares do Guia para Bem Atender o Turista com Deficiência ao Exército Brasileiro. A medida tem o objetivo de orientar toda a equipe que atua nos hotéis de trânsito e áreas de lazer da instituição no atendimento aos turistas com deficiência e vem ao encontro do pedido do ministro do Turismo, Gilson Machado Neto, na priorização da acessibilidade no setor. Ao todo, são 160 unidades hoteleiras espalhadas pelo país, que chegaram a receber cerca de 110 mil pessoas em 2020, de acordo com o Exército.

Noticias da Bahia

Em continuidade à mitigação dos efeitos da Covid-19, o Comando Conjunto Bahia, formado pela Marinha, Exército e Aeronáutica, entregou, quinta-feira, entre outras doações, 630 quilos de leite em pó ao Hospital Martagão Gesteira, em Salvador. Além do alimento, foram entregues 300 máscaras do tipo Face Shield, produzidas e doadas pelo SENAI CIMATEC, além de 300 máscaras de tecido laváveis e reutilizáveis, produzidas pelos Fuzileiros Navais.

Pacientes com diagnóstico de Covid-19, após o período de isolamento, que apresentem algum sinal ou sintoma persistente, podem ser atendidos no Ambulatório Magalhães Neto, no setor de pneumologia do Complexo Hospitalar Universitário Professor Edgard Santos da Universidade Federal da Bahia e vinculado à Rede Ebserh (Hupes-UFBA/Ebserh).

Noticias da Paraíba

O 16º Regimento de Cavalaria Mecanizado (16° RC Mec) do Exército, localizado em Bayeux, apoiou o processo de interiorização de 33 imigrantes venezuelanos, entre homens, mulheres e crianças, que embarcaram em Boa Vista (RR), em voo da Força Aérea Brasileira, com destino ao Aeroporto Castro Pinto, em João Pessoa.

A ação foi em cumprimento as diretrizes da 7ª Brigada de Infantaria Motorizada, situada em Natal. A viagem foi realizada na última semana de julho e teve uma parada em Fortaleza, antes de chegar ao Aeroporto Castro Pinto, na capital paraibana. No desembarque, os imigrantes passaram por triagem médica, na qual foram verificados temperatura, sinais e sintomas característicos da Covid-19.

Martha Rocha: Eterna Miss Brasil

O jornalista Aldo Paes Barreto confessa: “Eu era adolescente em 1954, quando a brasileira Martha Rocha revolucionou os padrões de beleza brasileira. Baiana de pele clara e olhos verdades, moça prendada, classe media, ela mexeu com os sonhos de consumo dos jovens da minha geração e das seguintes. E não só no Brasil. Nos Estados Unidos, um fabricante de veiculo batizou a nova linha de utilitários com o nomes da brasileira. A caminhonete, ainda hoje sucesso entre colecionadores, tinha formas arredondadas e duas polegadas a mais, na cabine…

Martha medindo os quadris e em LOng Beach (Fotos: O Cruzeiro/Manchete)

Aqui surgiram bolos, tortas, vestidos, perfumes, luminárias e até cocadas batizadas de Martha Rocha. No Brasil daqueles tempos, moça de família não possava de maiô, muito menos participava de desfile de miss. Contudo, Martha Rocha, fez tudo isso e não se transformou em apelo sexual. Era uma forma do belo sexo, bem-comportada e vestida com comedimento. Um padrão de beleza tamanho família, que servia para mulheres e homens.

Martha Rocha: sorriso e corpo memoráveis  (Foto: Divulgação)

No Recife, do footing da Rua Nova, da Sloper, da Lojas 4.400, da Primavera, dos Encontros de Brotinhos, dos Jogos Colegiais, das turmas de bairros, de dois jovens chamados Arthur, disputavam, inconscientemente, o troféu imaginário de beleza, “Martha Rocha”. Arthur Carvalho e Arthur Santa Cruz de Oliveira. O primeiro baiano de origem, charmoso, boêmio, boa pinta como se dizia, craque de futebol politizado, perdeu por pouco o titulo para o pernambucano Arthur Santa Cruz, igualmente craque em amizade, futebol, sinuca e noitadas.

O jornalista Aldo Paes Barreto (Foto: Divulgação)

Coincidentemente um irmão deste, oficial do Exercito, casou com a Miss  cearense, Emília Correia Lima, semifinalista do Concurso de Miss Universo versão 1955, um ano depois do sucesso da baianinha. Arthur Santa Cruz, ficou com o apelido de “Martha Rocha” e até os últimos dias de sua vida – morreu ha três ou quatro anos – atendia aos os amigos mais chegados como Arthur Martha Rocha. Que Deus o tenha”.