Fernando Machado

Blog

Tag elegante

De Volta para o Passado

Há 140 anos, nascia em Pernambuco, o jornalista Luiz Mendes, que morreu no dia 24 de agosto de 1935.

Há 100 anos, nascia no Paraná, a elegante senhora Eugelinda Paiva Campello, que morreu no dia 5 de setembro de 2012.

Há 100 anos, nascia na Alemanha, a senhora Lily Carvalho Marinho, que morreu no dia 5 de janeiro de 2011.

Há 75 anos, morria no Rio de Janeiro, o compositor Catulo da Paixão Cearense, que nasceu no dia 8 de outubro de 1863.

Há um ano, morria em Pernambuco, o atacante Walter Barrão (Walter Rocha Carvalho), que nasceu no dia 3 de setembro de 1938.

Há um ano, morria no Rio de Janeiro, a socialite Lourdes Catão, que nasceu no dia 12 de março de 1927.

As Bodas de Ametista de Suely e Ricardo

Há 48 anos, Sueli Pittigliani , filha de Augusta Belletti Pittigliani e Alberto Pittigiliani, e Ricardo Stambowsky, filho de Nieta e Mauricio Stambowsky, se casavam na Igreja de Nossa Senhora da Glória do Outeiro, por sinal uma das preciosidades da arquitetura barroca do Rio de Janeiro. A noiva surgiu deslumbrante, na nave central da igreja, num modelo de Guilherme Guimarães. Detalhe: Sueli não quis véu e nem buquê. Os brincos e a pulseira de coral peau d’ange com brilhantes, foram criados pelo joalheiro Armando Garcia. A cerimônia foi conduzida pelo frei dominicano Pierre Secondi.

Frei Pierre Secondi e na outra foto Ricardo e Sueli (Fotos: Jacques Aavadis)

Ricardo estava muito elegante by Savile Row, from Londres, usou uma gravata borboleta de veludo bem Carnaby Street. A recepção aconteceu na casa dos pais do noivo, no Cosme Velho. A decoração da igreja como a da recepção foi grifada por Lucia Sabóia. Entre os padrinhos estavam o irmão do noivo Alexandre Stambowsky, Therezinha Morango Pittigliani (segunda esposa de Alberto), e a prima do noivo Suzanna de Sousa Leão. Este ano devido à pandemia, Sueli e Ricardo vão comemorar a data com um jantar petit comité, para oito pessoas.

Sueli e o pai Alberto Pittigliani e na outra foto Sueli e Ricardo (Fotos: Jacques Avadis)

Informação importante: Nieta Stambowsky é pernambucaníssima. Sua família é da aristocracia canavieira, tataraneta do Viscondes de Utinga, do Engenho Matapiruma, e bisneta de Antônia e Ambrósio Machado da Cunha Cavalcanti do Engenho Gaipió. Nieta por parte de pai, Urbano Pires Gonçalves da Silva, é descende Gervásio Pires, um dos lideres da Revolução Pernambucana de 1817. Os bisavôs maternos de dona Nieta são João Augusto de Sousa Leão do Rego Barros, sobrinho dos Barões de Vila Bela, de Cairá, do Conde da Boa Vista e do Barão de Ipojuca.

Therezinha Morango Pittigliani, Alexandre Stambowsky e Suzanna de Souza Leão (Foto: Jacques Avadis)

O Vetro Bistrot = Bom Gosto

Por convite de Sheila Wanderley e João Alberto, que estão cada vez mais apaixonados, fui almoçar domingo no Vetro Bistrot. Boa Viagem ganhou um novo local gastronômico, por sinal muito bonito e cheio de charme. Estamos nos referindo ao restaurante de Luiz Moreira e Marcela Brandt. A decoração, grifada por Humberto Zirpoli, está sensacional. Destaque para as vigas de madeiras, que caem do teto sobre algumas mesas, e muitos toques de vidros, a final de conta vetro em italiano, significa vidro.

O chef Miguel Castilho e restaurateur Luiz Moreira (Foto: Sheila Wanderley)

O Vetro é categorizado elegante e charmoso. As porcelanas são da Vista Alegre by Portugal. Os talheres BSF são de pratas by Alemanha. O cardápio grifado pelo chef argentino Miguel Castilho, é de a gente comer rezando. No cardápio temos 12 opções de entradas; dois tipos de saladas; 14 opções de risotos e pastas; 9 tipos de carnes e peixes; e 7 tipos de sobremesas. No Vetro cabem 90 pessoas. Outro detalhe: o porta mascara, é très chic. Aliando tudo isso, estão à simpatia e a hospitalidade de Luiz Moreira.

De volta para o passado

Há 95 anos, nascia em São Paulo, a culinarista Ofélia Anunciato, que morreu no dia 26 de outubro de 1998. (Foto: Denise Adams – Estadão)

A cantora Dulcinea Paraense (Foto: Diário da Manhã)

Há 80 anos, acontecia na residência do senhor Agnaldo Lins, da Rua Fernandes Vieira, recital da cantora Dulcinea Paraense.

Há 60 anos, Alex apresentava as 10 moças mais elegantes de 1959: Ana Lucia Chaves, Cecilia Cruz Ramos, Dayse Helen Smith, Dirce Revoredo, Helena Garcia, Lucia Helena de Lima Cavalcante, Slamad Fernandes, Sonia Vasconcelos, Violeta Botelho e Voleta Costa.

Há 60 anos, Altamiro Cunha apresentava a lista das 10 mulheres mais elegantes de 1959; a Hors Concours Cecilia Brito Azevedo. Audara Oiticica, Carmita Brito, Candida Cairutas, Célia Martins Ferreira, Cristina Guimarães Ribeiro, Dulce Sampaio, Edna Nery da Fonseca, Helena Perez, Lidia Bertão, Lilia Pacifico Pereira, Madalena Freyre, Marly Mota, Marta Roesler, Nádia Lucena e Melo e Yara Loyo.

Há 35 anos, morria em Pernambuco, o figurinista Jurandy Ferreira de Oliveira, que nasceu no dia 8 de agosto de 1932.