Fernando Machado

Blog

Tag cultura

Festival Ori

Aconteceu sábado, no Museu da História e Cultura Afro-Brasileira, na Gamboa, Rio de Janeiro, o lançamento do Festival Ori, realizado pela Cultine TV, na estreia a exibição e lançamento do filme Tributo à Mãe Beata. O Festival surge com um propósito de circular a cidade e culturalmente celebrar a importância das lutas antirracistas, a importância de um povo que precisa estar vivo e unido. É uma mistura da conscientização da importância do preto na sociedade, do reconhecimento do valor, da cultura e da luta de pessoas pretas que não se calaram contra o racismo.

Maria Soares e Dom Filó (Foto: Bi & Ro Assessoria)

Frente ao projeto está o produtor da Cultine, Dom Filó. Logo após a exibição do lançamento do curta uma roda de conversa foi montada e a emoção correu solta, muitas reverências e histórias vivenciadas com a sacerdotisa Mãe Beata. A roda foi liderada por Babá Adailton Moreira Costa (filho biológico e o Babalorixá sucessor da saudosa Ìyálórìṣà Beata de Yemanjá, fundadora do tradicional terreiro Ilê Omijuarô). Contou com Ìyá lásé Ivete Moreira; Ìyá Kekerê Doya Moreira; Helena Theodoro e Lúcia Xavier.

Fatos Diversos

Hoje, às 10h, acontece a I Rodada de Negócios do Cartão do Empresário, promoção Fecomércio-PE. Segundo Ricardo Santos, coordenador do Núcleo de Parcerias do Cartão do Empresário, o objetivo do evento é reunir empresas parceiras que são compradoras e vendedoras de diferentes segmentos, produtos e serviços. A Rodada será 100% virtual.

A Secretaria de Cultura de Garanhuns, divulgou quinta-feira a abertura do edital de Convocatória Municipal do Festival de Inverno de Garanhuns para artistas e grupos de Garanhuns e do Agreste Meridional. As inscrições estarão abertas até o próximo dia 18 pelo e-mail convocatoriamunicipalfig@gmail.com; ou via Correios. O edital completo está no www.garanhuns.pe.gov.br.

Primeira Missa no Brasil

O secretário Especial da Cultura, do Ministério do Turismo, Hélio Ferraz, participou terça-feira de evento comemorativo da celebração da Primeira Missa no Brasil, em Santa Cruz Cabrália (BA). O evento, que é uma das ações organizadas pelo governo federal para o Bicentenário da Independência do Brasil, marca os 522 anos da realização de um dos principais marcos da história e da cultura do país. A Missa foi celebrada pelo Bispo de Eunápolis, Dom José Edson de Oliveira, acompanhado de 50 sacerdotes. Além do secretário, estiveram presentes a presidente do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), Larissa Peixoto, e representantes dos Ministérios da Cidadania e da Educação. O ministro do Turismo, Carlos Brito, destacou a importância deste marco para o desenvolvimento do setor na região, que se tornou símbolo de fé e marca o início de uma cultura de crença que forma a identidade do povo brasileiro.

Dom José Edson de Oliveira, bispo da Diocese de Eunápolis, presidiu a cerimonia religiosa

Para o secretário Especial da Cultura, Hélio Ferraz, o momento recorda aqueles que marcaram a história do Brasil e que fizeram parte da formação cultural do povo brasileiro. A Primeira Missa do Brasil marca o início da consolidação do país como um destino de fé e cultura. Celebrada pelo Frei Henrique de Coimbra, a cerimônia é um dos principais acontecimentos históricos do nosso país. A celebração foi descrita em carta de Pero Vaz de Caminha encaminhada à realeza de Portugal com o intuito de comunicar a chegada à então Ilha de Vera Cruz e contou com a participação de expedicionários portugueses que acompanhavam Pedro Álvares Cabral e dos índios que acompanharam pacificamente a missa. A cerimonia religiosa aconteceu no mesmo local em que Frei Henrique de Coimbra celebrou a primeira Missa no ano de 1500, que se tornou um marco para a história da Igreja Católica.

Noticias de Alagoas

A IX Mostra de Cinema de Gostoso será realizada entre os dias 4 e 8 de novembro de 2022. Caso as condições sanitárias em novembro permitam, a mostra será realizada em formato presencial. O evento é uma realização da Heco Produções e do Coletivo de Direitos Humanos, Ecologia, Cultura e Cidadania, direção geral e curadoria de Eugenio Puppo e Matheus Sundfeld. Informações no site oficial:   http://mostradecinemadegostoso.com.br.

Todas as sessões da IX Mostra de Cinema de Gostoso serão realizadas na sala ao ar livre montada na praia do Maceió, onde ocorrerão as sessões da Mostra Competitiva e Sessões Especiais, que contam com ampla participação da comunidade local. Os filmes da Mostra Competitiva concorrerão ao Troféu Cascudo, concedido pelo voto popular ao melhor curta e longa-metragem. Também será concedido o Troféu da Crítica, a partir da votação de jornalistas e críticos de cinema presentes à Mostra.