Fernando Machado

Blog

Tag compositores

Fatos Diversos

O Hospital de Câncer de Pernambuco, por conta do COVID-19, reforçou a importância da continuidade do tratamento de câncer e manteve os procedimentos oncológicos, incluindo cirurgias, exames, quimioterapias e radioterapias, além do seu serviço de triagem, para o recebimento de novos pacientes. Ressalta o superintendente técnico do HCP, Fábio Malta.

Janela UBC, série de lives da União Brasileira de Compositores criada para divulgar a campanha Juntos pela Música contará essa semana com participação de grandes nomes da música na nacional, como Marina Lima e Moacyr Luz. As transmissões acontecem no Instagram (http://www.instagram.com/ubcmusica/), às 16h.

Anotações do Cotidiano

O sucesso da primeira rodada das versões em português e espanhol do curso Copyright e os Negócios das Indústrias Criativas levou a União Brasileira de Compositores a lançar uma segunda versão, que estreia na próxima segunda-feira. Gratuito e totalmente online, o conteúdo é voltado para quem busca se aprofundar no funcionamento das relações comerciais da música, do audiovisual, do mundo editorial, das artes visuais e de diversos outros setores das indústrias criativas. Além da UBC, a Sociedade Portuguesa de Autores apoia a versão em português. As pré-inscrições na estão abertas no   http://www.futurelearn.com/courses/economics-of-copyright-pt/2.

A Jazz Sinfônica (Foto: Mario Miranda Filho)Uma das principais orquestras do país, a Jazz Sinfônica Brasil passa a ser gerida pelo diretor de Rede e Projetos da Fundação Padre Anchieta, Fábio Borba, e pelo maestro Fábio Prado, que este ano completa 15 anos como um dos regentes do grupo. A outra novidade é que, além da Jazz Sinfônica ser administrada pela FPA, a TV Cultura é a única emissora brasileira a manter uma orquestra. Há 15 anos como maestro da Jazz Sinfônica, Fábio Prado assume o cargo de diretor artístico já com planos para os próximos meses. A Jazz Sinfônica Brasil foi criada com dois objetivos principais: manter viva a memória das orquestras da era de ouro do rádio, décadas de 40 e 50, e vestir a música popular com roupagem orquestral.

Arrastão em Nova Iorque

Maria Sanchez-Carlo e André Rio (Foto: Fernando Machado)

Mathias da Rocha, Capiba, Nelson Ferreira e Luiz Bandeira, para citar apenas estes compositores, lá no céu devem ter ficado em estado de graça no dia 31 de agosto de 2013. E claro que tinha motivos de sobra para tal. É que Vassourinhas, Madeira que Cupim não rói, Evocação Nº1, Voltei Recife, arrasaram pela Broadway Street até alcançar a Times Square, graças ao então secretario Alberto Feitosa, ter feito um arrastão na Big Apple.

Vitor Bauab e Alberto Feitosa (Foto: Fernando Machado)

Sem dúvida um banho de frevo. Muita gente que por lá transitava ficou encantada com os bonecos gigantes (de Serginho Groisman, de Pelé, de Luiz Gonzaga, de um Caboclo de Lança), grifados por Leandro Castro. Foi lindo ver aquela ação organizada pela Secretaria de Turismo de Pernambuco, em parceira com a Empetur, cujo presidente era o competente André Correia.

Emily Moulton e Daniel Borrett from Austrália em tempo de frevo (Foto: Fernando Machado)

Tudo começou nos arredores da Colombus Circle, coladinho no Central Park, sob as benções do monumento de Cristovão Colombo. Depois os foliões usando camisetas amarelas seguiram pela Broadway em direção ao Pier 17, com pit stop na Madison Square Park, e na Union Square Park. Aquela gestão não existe mais, todavia aquele momento ficou eternizado para a história do nosso carnaval.

Sérgio Groisman diante dos bonecos gigantes de Luiz Gonzaga, Pelé e dele (Foto: Fernando Machado)

Serginho Groisman prestigiou o arrastão na Times Square e assim como a ação realizada no Pier17, sendo claro muito cumprimentado e convidado para fotos. As câmeras e os celulares foram acionados constantemente por onde o cortejo do frevo surgia. Nunca o Recife foi tão focado como desta vez. Uma presença marcante era a eterna cônsul dos Estados Unidos no Nordeste, Maria Sanchez-Carlo.

Os norte-americanos Anson Newton e Ilona Schoder (Foto: Fernando Machado)

Noticias da Paraíba

Com repertório que valoriza os ritmos e os compositores brasileiros, o Quinteto Uirapuru é a atração do dia 4 de novembro do projeto Música do Mundo. O show será na Sala de Concertos Maestro José Siqueira, localizada no Espaço Cultural José Lins do Rego, em João Pessoa, às 21h. O quinteto é formado por Rucker Bezerra (violino 1), Rodrigo Eloy (violino 2), Paulo França (viola), Leo Semensatto (cello) e Hercílio Antunes (baixo acústico e elétrico). O ingresso custa R$ 10 e R$ 5.

O Quinteto Uirapuru no Música do Mundo (Foto: Divulgação)

O maestro Luiz Carlos Durier regendo Orquestra Sinfônica da Paraíba (Foto: Thercles Silva)

A Catedral Basílica de Nossa Senhora das Neves, principal igreja católica da Paraíba, em João Pessoa, será o cenário para o concerto de encerramento da programação deste ano do OSPB nos Bairros, projeto da Orquestra Sinfônica da Paraíba que tem como objetivo levar a música para moradores de comunidades. O concerto, que será o 14º oficial da Temporada 2017, acontecerá hoje, às 20h, com regência do maestro Luiz Carlos Durier e participação do Coro Sinfônico da Paraíba. A entrada é gratuita.

  • 1 2 7