Fernando Machado

Blog

Tag comendador

De volta para o passado

Há 295 anos, morria na Inglaterra, o matemático Isaac Newton, que nasceu no dia 25 de dezembro de 1643.

Há 130 anos, nascia na Italia, o tenor Beniamino Gigli, que morreu no dia 30 de novembro de 1957.

Há 130 anos, nascia em Pernambuco, o professor Edgar Altino, que morreu no dia 12 de abril de 1958.

Há 70 anos, morria em Pernambuco, o industrial Antonio Costa Azevedo, que nasceu em 1882.

Há 60 anos, surgia o primeiro milionário do Bonus BS. Foi o senhor Julio Gonçalves da Silva, ganhou um milhão de cruzeiros.

Há 60 anos, no Rio de Janeiro, o tenente Alberto Jorge Bandeira, depois de 1o anos preso, conseguia liberdade condicional.

Há 60 anos, morria o comendador Arthur Herman Lundgren, que nasceu no dia 10 de novembro de 1882.

Há 55 anos, morria em Pernambuco, o ator Elpídio Câmara, que nasceu no dia 1 de setembro de 1895.

Há 50 anos, passava pelo Recife, com destino ao Rio de Janeiro, a cantora Maria Callas.

De Volta para o Passado

Há 180 anos, nascia na Paraíba, o advogado Luiz Ferreira Maciel Pinheiro, que morreu no dia 9 de novembro de 1889.

Há 110 anos, nascia no Rio Grande do Norte, o escritor Nilo Pereira, que morreu no dia 23 de janeiro de 1992.

Há 105 anos, nascia na Itália, o comendador Giuseppe Conte, que morreu no dia 21 de dezembro de 2009.

Há 100 anos, o governador Manoel Borba inaugurava o Moinho Recife.

O Pomar das cerejas dos alunos de Miss Gatis (Foto: Diário da Manhã)

Há 85 anos, acontecia no Teatro de Santa Isabel, o Festival das alunas de Miss Gatis.

O Festival da Colheita com uma aluna de Miss Gatis (Foto: Diário da Manhã)

Há 85 anos, era lançado o transatlântico Queen Mary.

Há 55 anos, Dener promovia um desfile no Clube Internacional do Recife, patrocinado pelas Lojas Dias Junior. O show foi com Luiz Vieira.

Há 47 anos, se casavam na São Pedro dos Clérigos, Marta Brito Alves e Marcos Freire. A cerimônia foi conduzida pelo Monsenhor Severino Nogueira. Marta usou um modelo da modista Teodice Lacerda.

Há 20 anos, morria em Pernambuco, o poeta Jorge Wanderley, que nasceu no dia 21 de janeiro de 1937.

 

Bento de Aguiar & o Teatro do Parque

Há 100 anos, era inaugurado, na Rua do Hospício, o Teatro do Parque, mandado construir pelo empresário e comendador Bento Luiz de Aguiar. Na estreia tivemos a encenação da peça  O 31, pela Companhia de Operetas e revistas Portuguesas Luiz Galhardo. O high society recifense prestigiou a noite de arte. Recebendo os convidados estavam Bento Luiz de Aguiar e sua esposa Josefina. Infelizmente não temos muito o que comemorar. Aquele espaço que abriu com tanta pompa e circunstância está um caos.

t-bento-aguiar

Comendador Bento Luiz de Aguiar (Foto: Acervo de Eunice Aguiar Pereira)

No elenco era formado pelos atores Carlos Leal, Antonio Gomes, Jayme Silva, José Moraes, Irene Gomes, Margarida Vellloso, Francisca Martins, Francisca Brazão, Emma de Oliveira, Elvira Martins e Elisa Santos, além do tenor era Salles Ribeiro. Chegou de Portugal, via Rio de Janeiro, a bordo do paquete Essequiboao até o Recife, um dia antes da festa de inauguração.

t-judith-correa-antonio-gomes-carlos-leal

Judith Correa, Antônio Gomes e Carlos Leal (Fotos: Teatro do Parque de Lêda Dias)

O teatro, que ficava ao lado do Hotel do Parque, que era outra magnífica e de muito luxo, não ficou a dever em nada ao seu vizinho. O sonho do Comendador era construir um Parque de Diversões. As estruturas do Teatro era de ferro, no estilo art-noveau, e foram trazidas da Europa. O engenheiro responsável,  foi o inglês K. M. Macgreggor, que orçou a obra em cerca de 200 contos. Não quanto seria em reais, os economistas que façam as contas.

t-mario-nunes-elvira-martins-emma-de-oliveira

Mário Nunes, as atrizes Elvira Martins e Emma de Oliveira (Fotos: Teatro do Parque de Lêda Dias)

Toda estrutura do Teatro Parque veio transportada de navio da Alemanha. Uma recomendação que a obra fosse para o clima tropical. Podia-se notar muitas janelas no primeiro andar, e no térreo portas para tudo que era lado, para arejar o ambiente. Na área externa tinha um pequeno jardim de hortênsias que era de deixar o recifense sem fôlego. Nele repousavam mesas redondas e cadeiras de ferro (pintadas de vermelho e verde, em homenagem a Portugal) e madeira.

t-teatro-em-obras

O Teatro do Parque em obras (Fotos: Teatro do Parque de Lêda Dias)

Os jardins era o point para os frequentadores, pois nos intervalos poderiam entre um gole de chá e uma colherinha de sorvete comentar o espetáculo e porque não, as fofocas da cidade. Os falsos vitrais da boca de cena do Parque, foram grifados pelo artista plástico Mário Nunes e os medalhões que decoravam os camarotes do artista plástico Henrique Elliot. Enquanto o Teatro de Santa Isabel remetia para óperas, cantatas e concertos, o Parque para vaudevilles.

t-fachada-do-teatro-11agosto82-antonio-tenorio

A fachada do Teatro do Parque (Foto: Antônio Tenório/Museu da Cidade do Recife)

As poltronas da plateia eram de palhinha trançada e os encostos das cadeira dobravam. Note, a preocupação do Comendador para o conforto do publico. A alegria e agito dessa inauguração foi interrompida no dia 2 de setembro, ou seja nove dias depois, com o falecimento repentino do comendador Bento Luiz de Aguiar, aos 54 anos. A causa da morte foi uma moléstia grave. No final da tarde aconteceu o funeral, que saiu da seu palacete da Rua São João, no bairro de São José, feito pela Casa Agra, para o Cemitério de Santo Amaro.

De volta para o passado

felipe-camarão-victor-meirelles

Há 365 anos, morria em Pernambuco, o índio Felipe Camarão, que nasceu no Rio Grande do Norte em 1591.

Há 175 anos, nascia na França, o Conde Paris, que morreu no dia 8 de setembro de 1894.

joao-caetano

Há 150 anos, morria no Rio de Janeiro, o primeiro ator brasileiro João Caetano, que nasceu no dia 27 de janeiro de 1808.

Há 98 anos, o comendador Bento Luiz de Aguiar, inaugurava o Teatro do Parque, na Rua do Hospício, no Centro do Recife. A primeira peça a ser apresentada foi O 31, com os portugueses Carlos Leal, Antônio Gomes e Elisa Santos.

Há 85 anos, nascia nos Estados Unidos, a atriz Penny Edwards, que morreu no dia 26 de agosto de 1998.

felix

Há um ano, morria em São Paulo, o goleiro Felix Mielli Venerando, que nasceu no dia 24 de dezembro de 1937.

  • 1 2