Fernando Machado

Blog

Tag clube

Os Garotos de Liverpool

A banda de rock inglesa The Beatles, formada no final dos anos 1950, na cidade de Liverpool, por John Lennon (1940/1980), Paul McCartney (79 anos), George Harrison (1943/2001) e Ringo Starr (81 anos) marcou para sempre a história da música mundial. Considerado o grupo mais influente de todos os tempos, apesar de extinto há mais de 50 anos, continua conquistando fãs até hoje. O público pernambucano apaixonado pelo quarteto estão podendo apreciar a exposição Os Garotos de Liverpool, em cartaz no Shopping Tacaruna, desde sexta-feira e vai terminar no dia 19 de setembro. A gerente de Marketing do mall Yolanda Celeste que serão vendidas canecas, entre outros produtos.

The Beatles estão na msotra do Tacaruna (Foto: Divulgação)

Os itens expostos fazem parte do acervo do Fã-Clube Revolution, sediado em São Paulo. Possuem itens raros de colecionador, adquiridos desde 1963, pelo presidente Marco Antonio Mallagoli, um dos poucos brasileiros que esteve pessoalmente com os quatro integrantes da banda. Quem for conferir a mostra do Tacaruna, verá discos autografados por George Harrison e Paul McCartney; fotos pessoais e autógrafos de cada um dos artistas; disco de ouro da música She Loves You, ofertado a Marco Antonio por John Lennon em 1980; disco de platina da música Baby It’s You, ofertado pela Apple UK. Também fazem parte relógios, fotos, buttons, discos raros importados e bootlegs, bandejas, revistas, cards, selos e outros itens de interesse dos fãs do grupo.

Fatos Diversos

As diretoras da Aliança Francesa Recife e do Instituto Cervantes Recife, Amina Mazouza e Rosa M. Sánchez Cascado Nogales, órgãos de representação da educação e cultura da França e Espanha, se reuniram com representantes do Consulado e da Embaixada da França no Brasil, para tratar da criação de um selo de excelência linguística e futuros projetos envolvendo os dois países europeus.

Nos anos 2000, em um momento de particular atenção à institucionalização do meio fotográfico e período em que a fotografia brasileira ganhava destaque no cenário internacional, nascia o Clube de Colecionadores de Fotografia do MAM. Agora, para celebrar seus 20 anos, o Museu apresenta obras de 107 artistas em exposição inédita, em cartaz até amanhã, na sala Paulo Figueiredo. A organização da mostra ficou a cargo de Eder Chiodetto.

Rita de Cássia vence o Miss Pernambuco de 1981

Rita de Cassia Spencer Pedrosa e Ana Lúcia Caldas de Souza (Foto: Acervo de RCSP)

Há 40 anos, acontecia nos salões do Clube Internacional do Recife, a escolha de Miss Pernambuco de 1981, o primeiro depois do Diário de Pernambuco ter deixado de patrocinar. O apresentador foi A coordenadora foi a Miss Pernambuco de 1980, Ana Lúcia Caldas de Souza. Participaram do concurso 8 candidatas. A vencedora foi Rita de Cássia Spencer Pedrosa de São Benedito do Sul, em 2º lugar ficou Elizabete Dantas da Cruz Gouveia da Telpe e em 3º lugar Virginia Helena Gomes da Silva (Náutico). A Miss Simpatia foi Silvana Brandão da Silva de Arcoverde.

O Top 3: Rita de Cássia, Elizabete Cruz Gouveia e Virginia Helena Gomes (Foto: Acervo de RCSP)

Miss Pará, Mara Ferraz desfilou na passarela e recebeu uma joia de Demazinho Gomes. No júri presidido por João Alberto, estavam Helena Pessoa de Queiroz, Cristina Victor, Marta Henriques, Silvia Pontual, Maria Adélia Correa, Renée Nelb Jardim, Dirce Sales, Sandra Gil Rodrigues, Ricardo Costa Pinto, Gino Perrelli, Manoel Cordeiro Campos, Otacílio Venâncio, Tancredo Albuquerque e Djalma Rodrigues.

Paulo Marques quando entrevistava as misses (Foto: Acervo de RCSP)

As participantes foram Silvana Brandão da Silva (Arcoverde), Márcia Maria Rodrigues da Silva (Clube da Aeronáutica), Edjane Maria da Silva Melo (Colégio Walt Disney), Maria do Rosário Barros de Carvalho (Grupo Teatral de Boa Viagem), Virginia Helena Gomes da Silva (Náutico), Rose Mary de Freitas Santos (Palmares), Rita de Cássia Spencer Pedrosa (São Benedito do Sul) e Elisabete Dantas da Cruz Gouveia (Telpe). Desistiram: Jaqueline do Rêgo (Caruaru) e Maria Rejane de Lima (João Alfredo).

Virginia Helena Gomes da Silva (Foto: Acervo de VHGS)

Maria Lucia é a Miss Pernambuco de 1961

Maria Lucia em traje de maiô e traje de gala (Foto:  Reprodução do Diário de Pernambuco)

Hoje faz 60 anos, que a Miss Clube Internacional do Recife, Maria Lúcia Santa Cruz, do alto dos seus 1m70 de altura, 98cm de busto e quadris, 58cm de coxa e cintura, era eleita nos salões do seu Clube, Miss Pernambuco de 1961. Ela foi coroada pela Miss Pernambuco de 1960, Maria Edilene Torreão. Participaram do quatro candidatas. O festival da beleza feminina pernambucana foi apresentado pela atriz Heloisa Helena (1917/1999).

Carmen Aurélia Rodrigues, Guaracy Gouveia, Gicelda Nascimento e Maria Lúcia Santa Cruz (Reprodução do Diário de Pernambuco)

A comissão julgadora foi presidida por Almeida Castro e composta pelo médico Álvaro Ferraz, pelo advogado Joel Pereira, pelas socialites Lais Cabral da Costa e Hughete Leimig. Participaram do concurso apenas quatro candidatas: Guaracy Gouveia (Clube Português), Carmen Rodrigues (Clube Náutico Capibaribe), Maria Lúcia Santa Cruz (Clube Internacional do Recife) e Gicelda Nascimento (Clube Líbano Brasileiro).

Maria Edilene Torreão passando a faixa para Maria Lucia (Reprodução do Diário de Pernambuco)

O resultado final ficou assim: em quarto lugar Gicelda Nascimento, em terceiro lugar Guaracy Gouveia, em segundo Carmen Rodrigues e a vencedora foi Maria Lúcia Santa Cruz que usou um modelo deslumbrante desenhado por Victor Moreira, e costurado por Inês Peixe. Informação importante: Carmen Rodrigues representou o Rio Grande do Norte no Miss Brasil, porque a eleita Ronnie Pacheco, renunciou para casar com Carlos Regnier.

Hemê Pessoa, a coiffeur Aparecida, o figurinista Victor Moreira, Maria Lúcia Santa Cruz e o coiffeur Fausto (Foto: Acervo de Hemê)