Fernando Machado

Blog

Tag banco

Anotações do Cotidiano

Depois de 10 meses lutando pelos direitos das clínicas de diálise devido aos custos adicionais decorrentes da pandemia, a Associação Brasileira dos Centros de Diálise e Transplante comemora a liberação de R$ 109.572.040 por parte do Ministério da Saúde. A verba será direcionada aos 800 estabelecimentos que prestam serviços ao Sistema Único de Saúde (SUS) para custear as despesas extras necessárias no combate ao Covid-19, considerando as particularidades do cuidado com os pacientes renais crônicos. Informa o presidente da ABCDT, Marcos Alexandre Vieira.

Roberto Campos Neto (Foto: Divulgação)

O presidente do Banco Central do Brasil, Roberto Campos Neto, foi eleito o presidente do Banco Central do Ano pela Revista britânica, The Banker, que é especializada em finanças. O Prêmio Central Banker of de Year, em sua sétima edição homenageia os funcionários que mais conseguiram estimular o crescimento e estabilizar a economia. Roberto Campos Neto foi premiado na Categoria Global e Américas. Para quem não sabe ele é neto do grande economista brasileiro Roberto Campos.

Nos bastidores da política

O Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) desembolsou sexta-feira um empréstimo de US$ 750 milhões, o equivalente a R$ 4 bilhões, para o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). Com um aporte de US$ 150 milhões em contrapartida por parte do banco brasileiro, serão oferecidos o equivalente a quase R$ 5 bilhões a micro, pequenas e médias empresas brasileiras.

Conforme dados divulgados sexta-feira pela Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), o mês de novembro apresentou o maior fluxo de passageiros transportados desde o início da pandemia provocada pelo novo coronavirus. Ao todo, os aeroportos do país movimentaram aproximadamente 4,8 mi de pessoas no penúltimo mês do ano. No entanto, na comparação com o mesmo período do ano passado, houve redução de 40,7% no indicador.

Nos Bastidores da Política

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) divulgou o balanço sobre as principais medidas emergenciais contra a crise da Covid-19. O presidente da instituição, Gustavo Montezano, destacou que além de lucro financeiro, a instituição procurou oferecer retorno social positivo para o País, por exemplo, com as medidas emergenciais para proteção de empregos e vidas.

O ministro da Ciência, Tecnologia e Inovações, Marcos Pontes, destacou as principais iniciativas do Brasil no combate à Covid-19, durante a 8ª Reunião Ministerial sobre Ciência, Tecnologia e Inovações do BRICS – grupo formado por Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul. Durante o encontro virtual coordenado pela Rússia, Marcos Pontes ressaltou a importância da cooperação entre os países, que resultou em ações concretas como a Chamada Conjunta para a Covid-19.

Nos bastidores da política

Os produtores rurais, pessoas físicas ou jurídicas, inclusive os agricultores familiares, terão até 29 de dezembro para renegociar débitos inscritos na Dívida Ativa da União com descontos de até 100% nas multas, nos juros e nos encargos. A Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional lançou recentemente esta nova modalidade para também auxiliar o setor agropecuário durante a crise econômica provocada pela pandemia de Covid-19.

O Banco do Brasil registrou lucro líquido ajustado de R$ 3,5 bilhões no 3T20, aumento de 5,2% frente ao 2T20 e decréscimo de 23,3% em relação ao 3T19. Diante das incertezas econômicas provocadas pela pandemia, o banco constituiu, de forma conservadora, antecipação prudencial de provisões de crédito, em um valor de R$ 2 bilhões neste trimestre, ainda que o índice de inadimplência (operações vencidas há mais de 90 dias) em setembro tenha caído em relação ao trimestre anterior e se situado em 2,43%.