Fernando Machado

Blog

Tag apelido

A chacrete pernambucana Chininha

Ainda sobre o comentário do blog sobre Chacrinha – o Musical , recebo um e-mail de um leitor do Rio de Janeiro que faço questão de transcrever na íntegra: “Fernando, o jornalista Mucíolo Ferreira esqueceu de citar entre as chacretes  a Chininha, única pernambucana a integrar o time de dançarinas. Chininha chegou ao programa na volta do Chacrinha para a TV Globo no final dos anos 70 e ficou até se casar com um sueco e ir morar em Estocolmo.

chininha6

A chacrete pernambucana Chininha (Fotos: Divulgação)

O apelido foi dado por Leleco Barbosa devido aos traços orientais. As outras chacretes dos tempos da pernambucana que ficaram com o Velho Guerreiro até sua morte foram Fátima Boa Viagem, Sueli Pingo de Ouro e Gracinha Copacabana, esta atuava como uma espécie de assistente de palco. Vez por outra, o canal de tv a cabo Viva reprisa os últimos programas de Chacrinha na sua segunda volta a Globo e destaca Chininha“.

Sou Santa Cruz de Corpo e Alma

Estamos a 17 dias da comemoração dos 100 anos do Santa Cruz. E hoje vamos homenagear o presidente do biênio 1991/1992 do Santa Cruz, Raimundo Gomes de Moura (1941/2004). Foi o presidente mais querido e também chamado de Midas. Ele atuava no Comercio de Rolamentos e Auto Peças. Quando o Santa Cruz ganhava os jogadores vibravam pois era garantia de extra.

raimundo-aristofanes-carmen-marco-ana-maria

Na ampliação do Arruda, Raimundo ao lado de Aristófanes de Andrade, dona Carmen, Anna Maria e Marco Maciel (Foto: Cortesia)

O empresário cearense Raimundo Gomes de Moura se associou ao Santa Cruz em 1957, depois foi conselheiro, diretor e presidente (191/1992). Nunca deixou de colaborar com seu clube de coração até mesmo em algumas gestões. E amor pelo santinha passou para as filhas Raquel, Roseane e Rosely e os netos Raimundo, José Carlos, José Henrique, Matheus, Paula e Marcus Vinicius. Raimundo foi casado com Terezinha.

sc-raimundo-moura-terezinha

Raimundo e sua Terezinha que sempre esteve ao seu lado em todos os momentos (Foto: Cortesia)

Este furo a Enciclopédia Viva do Santa Cruz, Dirceu Paiva vai adorar: O fundador do Santinha Theophilo Almeida Baptista de Carvalho recebeu o apelido de Lacraia, porque um dia foi treinar com um meiões listrados lembrando uma cobra. Como ele gostava de botar apelido nos colegas eles o batizaram de Lacraia.  Quem me contou foi a nora dele, a estilista Ademilde Miranda.