Fernando Machado

Blog

Rick, Moda & Pênis

Quinta-feira na Semana de Moda Masculina de Paris, o designer Rick Owens, aquele que adora desfiles conceituais, colocou na passarela alguns os modelos com os pênis quase à mostra. Apesar das roupas largas, tinha aberturas bem nas partes íntimas, o que fez alguns dos tops mostrarem mais do que deviam, em síntese causou frisson na plateia. Acontece que a sua coleção outono-inverno 2015/16, foi mais elogiada do que as anteriores. Os bofes passearam na passarela de casacos matelassados, à moda geométrica e sem cuecas.

m-rick-owens4

Três looks da coleção de Rick Owens (Fotos: Divulgação)

Os jornalistas de moda não pouparam elogios para a alfaiataria, tendo como contraponto a linha andrógina. A jornalista Lilian Pace escreveu no seu blog: “Mas já que estamos falando de gênero e não dá pra deixar de falar de algo que está na cara, um pênis é um pênis, e ele apareceu mesmo na passarela (nem foi inteiro, só a ponta), por baixo dos looks à vestido curto e solto com fenda (na verdade são experimentações de blusa ao contrário, de ponta cabeça, com as mangas soltas na lateral e a gola redonda fazendo as vezes de janela pro membro, ou saco, enfim).

mmm-rick-owns

 

Mais três modelos audaciosos de Rick Owens (Fotos: Divulgação)

– Claro que os modelos estavam sem cueca de propósito – porque se a intenção não fosse o pênis aparecer, eles teriam percebido no backstage e “guardado” os rapazes. Então por que Rick decidiu que era pra deixar “o bicho solto”? Pra gerar assunto na internet? Uma brincadeira despudorada? O que isso acrescenta? Claro, pode ser sim apenas uma brincadeira. Mas pra alguém mais cult como o estilista, é irresistível pensar em subtextos”.

m-rick-owens5

Dois looks da coleção e o estilista Rock Owens (Foto: Divulgação)

E assim Lilian Pace encerra o show de Rick Owens: “O que fica é o questionamento: por que o pênis e a nudez masculina ainda são um tabu, inclusive mais que a nudez feminina? Em um momento em que o conservadorismo cresce e enrijece, a provocação é clara – se o fundamentalismo tem suas leis, nós também deveríamos olhar pros nossos umbigos. De perto, com roupa ou sem, quem é tão liberal?”

0

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.