Fernando Machado

Blog

Pausa Poética

“Só uma coisa eu nunca consegui entender: porque não fui o titular da seleção em 1954, na Suíça, se até o técnico Zezé Moreira me considerava o melhor entre Castilho e Cabeção. Enfim, os homens da CBD sabiam o que faziam”. Goleiro Veludo (1930/1970)

0

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.