Fernando Machado

Blog

Pausa Poética

elizabeth-bishop

“Cada barca no rio deixa onde passa um tremendo rastro, / uma enorme folha cinzenta sobre um fundo de cinza mais pálido; e atrás dela folhas de verdade vemflutuando, em direção ao mar”. Elizabeth Bishop (1911/1979)

0

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.