Fernando Machado

Blog

O Cemitério Senhor Bom Jesus da Redenção

O Recife tem seu cemitério de Père-Lachaise, estamos nos referindo ao Cemitério Senhor Bom Jesus da Redenção, ou melhor, o Cemitério de Santo Amaro. Inaugurado, no dia 1 de março de 1851, pelo governador José Ildefonso de Sousa Ramos, todavia se deve a proeza ao governador Francisco Rego Barros, o Conde da Boa Vista, que tinha como objetivo modernizar o Recife. O Santo Amaro, o maior do Recife, foi projetado pelo engenheiro José Mamede Alves Ferreira (1820/1865), e mede 145m².

O túmulo do abolicionista Joaquim Aurélio Nabuco de Araújo (1849-1910), obra é do escultor italiano Giovanni Nicolini (1872/1956) Foto: Leonardo Dantas

O toque de romantismo é o acesso até chegarmos lá, e se chama Avenida da Saudade. Os primeiros sepultamentos no Senhor Bom Jesus da Redenção foram com as pessoas vítimas de febre amarela, porque as igrejas não quiseram enterra-los. Era costume na época os mortos serem enterrados nas igrejas. Sua arquitetura é radial, com túmulos distribuídos ao longo de ruas que partem de um ponto central, ou seja a Capela de Nossa Senhora da Conceição. É, sem dúvida, a maior galeria de arte ao ar livre de Pernambuco.

0

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.