Fernando Machado

Blog

Noticias da Bahia

Acompanhado do presidente do Conselho Estadual de Cultura de Santa Catarina, Luiz Moukarzel, o presidente da Fundação Catarinense de Cultura, Edinho Lemos, esteve em Salvador onde  cumpriu agenda de compromissos oficiais sexta-feira. O primeiro deles, às 10h30, foi entrega da Medalha Cruz e Sousa à atriz Neusa Borges, em cerimônia a ser realizada na Casa do Olodum, no Pelourinho. Nascida em Florianópolis, no dia 8 de março de 1941, Neusa Maria da Silva Borges começou a carreira como atriz e crooner de orquestra em São Paulo, onde trabalhou com grandes maestros, como Clóvis Lima e Salgado Filho, sempre cantando e dançando.

A estreia na televisão ocorreu na telenovela Venha ver o sol na estrada, na TV Record. Na sequencia, às 11h30, foi assinado o Termo de Cooperação entre Escola do Teatro Bolshoi no Brasil, Olodum e Instituto Liberdade, com apoio institucional da FCC. O documento visa à realização do espetáculo Bolshoi/Olodum, em março de2022, na cabeceira continental da Ponte Hercílio Luz, em Florianópolis. O evento será realizado por meio de projeto aprovador pela Lei de Incentivo à Cultura, do Governo Federal, e já está em captação. O Governo do Estado de Santa Catarina, por meio da Fundação Catarinense de Cultura, é apoiador institucional do espetáculo.

0

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.