Fernando Machado

Blog

Nos Bastidores da Política

Foi lançado, terça-feira, no Palácio do Planalto, com a presença do Presidente Jair Bolsonaro, o Plano Safra 2021/2022, num valor de 251,22 bilhões para apoiar a produção agropecuária nacional. O montante é superior ao anterior em 6,3%, o que representa um aumento de R$ 14,9 bilhões. Do total, R$ 177,78 bilhões serão destinados ao custeio e comercialização e R$ 73,44 bilhões serão para investimentos em infraestrutura. Os financiamentos poderão ser contratados no período de 1º de julho de 2021 a 30 de junho de 2022. Para os pequenos produtores serão destinados pelo Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar, R$ 39,34 bilhões, com juros de 3% e 4,5%. Os recursos tiveram um acréscimo de 19% comparados à safra anterior. Já o Programa Nacional de Apoio ao Médio Produtor Rural conta com R$ 34 bilhões, um aumento de 3% em relação ao plano anterior.

O Ministério do Desenvolvimento Regional vistoriou as obras de manutenção no Eixo Norte do Projeto de Integração do Rio São Francisco. No fim de maio, foi iniciada uma paralisação programada do bombeamento para a execução de serviços de manutenção no Trecho 1, entre a captação, em Cabrobó e a Barragem Jati, no Ceará. A finalização das obras de manutenção está prevista para meados de julho. Além da manutenção na Estação de Bombeamento 1, a paralisação programada está possibilitando a troca de válvulas das motobombas das Estações de Bombeamento 2 e 3, responsáveis por levar a água do Velho Chico para Pernambuco, Ceará, Paraíba e Rio Grande do Norte. O secretário Nacional de Segurança Hídrica do MDR, Sérgio Costa, esteve na localidade, acompanhados por técnicos da Pasta.

0

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.