Fernando Machado

Blog

Nos Bastidores da Política

O BNDES apoiará iniciativa da Prefeitura de Belo Horizonte que pretende fortalecer a rede de saúde do município, por meio da implantação de 40 unidades básicas de saúde (Centros de Saúde). A diretoria do banco aprovou um financiamento de R$ 180 milhões para a Saúde Primária BH S.A., concessionária vencedora do leilão de Parceria Público Privada que será responsável por administrar os serviços de limpeza e conservação, manutenção predial, segurança patrimonial, engenharia clínica e gestão de utilidades das novas unidades. A operação ocorre na modalidade mista: R$ 120 milhões serão repassados pelo BNDES ao cliente final, e os R$ 60 milhões restantes serão na modalidade indireta, com intermediação financeira do BDMG.

Uma das alternativas para minimizar a taxa de transmissão direta do novo coronavírus é o uso das máscaras faciais. Atualmente, há no mercado uma diversidade de máscaras, tanto na composição têxtil, quanto na presença ou não do elemento prata, sob a forma de íon ou nanopartículas de prata (AgNP), que tem atividade biocida. Um artigo com participação da Escola Nacional de Saúde Pública avaliou a presença da Ag total e de AgNP em máscaras produzidas para proteger a população da Covid-19 que estão sendo comercializadas no Brasil durante a pandemia.

0

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.