Fernando Machado

Blog

Nos Bastidores da Política

Com o slogan Vacina Pirata, Não! O Ministério da Justiça e Segurança Pública lançou, por meio da Secretaria Nacional do Consumidor, campanha nas redes sociais para combater a comercialização de vacinas falsificadas contra a Covid-19. O objetivo é alertar o consumidor de que, neste momento, apenas o poder público, por meio do Sistema Único de Saúde (SUS), está autorizado a fornecer a vacina, de forma gratuita.

Apesar de marcar um período de dificuldades no setor de turismo, 2020 se mostrou um ano de oportunidades para quem buscou qualificação profissional na área. Mais de 47.600 pessoas se inscreveram em dois cursos gratuitos ofertados pelo Ministério do Turismo: o de Gestor de Turismo e o Brasil Braços Abertos.  Brasileiros das 27 Unidades da Federação e estrangeiros de 65 países garantiram vaga nas qualificações, que desenvolvem habilidades de gestão e de atendimento a visitantes, respectivamente.

0

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.