Fernando Machado

Blog

Missa por Zilda Arns e os 14 heróis

Foi na bonita Igreja da Madre Deus, construída pelos padres Oratorianos da Ordem de São Filipe em 1679, que a Arquidiocese de Olinda e Recife e o Comando Militar do Nordeste promoveram a missa em sufrágio das almas de dona Zilda Arns e os 14 soldados brasileiros, falecidos no terremoto do Haiti. O templo com imagens que pertecenram à Igreja do Corpo Santodo Século XVII, no Recife Antigo, e demolida no século 20 estava lotado.

a-padres
Dom Fernando Saburido e os concelebrantes (Fotos: Fernando Machado)

A cerimônia religiosa começou, com o toque dos sinos seguido da entrada do cortejo litúrgico formado 10 sacerdotes e 10 postulantes, à frente o arcebispo de Olinda e Recife, Dom Fernando Saburido, tendo como fundo musical Te Amarei Senhor, interpretado pelos cantores Ana Paula Samico e Alberto Travassos, acompanhados por Adriano Melo (violão) e João Paulo Souza (teclado).

a-diacono
O diacono Antão Marcelo lendo o Evangelho

A missa teve como comentarista Padre Luciano, foi presidida pelo Arcebispo de Olinda e Recife e concelebrada por 10 sacerdotes. Entre eles destacamos Monsenhor Albérico, os padres Roberto (pároco da Madre Deus), Caetano, Adriano (Maceió), Jucivaldo (Belém do Pará) e Manoel, assim como Frei França e os capelães tenente coronel José Eudes da Cunha e o capitão Ivan Medeiros, do Exército.

a-nave-central
Os fiéis visto do alto

A primeira leitura foi feita por Margarida Alves (Pastoral da Criança), o Evangelho foi lido pelo diácono Antão Marcelo e a prece dos fiéis, pelo tenente Guttoshi Lemos. A homilia de Dom Fernando Saburido foi muito bonita e recheada respeito e gratidão pelo trabalho de Dona Zilda e pelo heroísmo dos 14 militares que faleceram na tragédia que abalou o mundo. Outro momento emocionante foi o toque do silêncio.

a-dom-fernando
Dom Fernando Saburido e os padres diante do altar

Depois da celebração tivemos as falas do comandante do CMNE, general Américo Salvador de Oliveira, do coordenador da Pastoral da Terra Agenaldo Lessa, do Prior da Ordem Evangélica de Santo Estevão Mártir frei anglicano Daniel Barbosa e do médico Assuero Gomes que falou do programa de doação para os haitianos.

a-conifssao
Padre Roberto e Dom Fernando dando a comunhão

Entre as presenças destacamos o vereador Josenildo Sinésio, o Procurador Tadeu Alencar, o comandante da 10ª Brigada de Infantaria Motorizada, general Geraldo Gomes de Mattos Filho, o chefe do Estado Maior do CMNE, general Luiz Felipe Linahres Gomes e sua Florence, o comandante da PE, coronel José Antônio de Sá com Pollyanna.

0

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.