Fernando Machado

Blog

Miss Pernambuco de 1966

Há 50 anos a jovem Raiolanda Castelo Branco, Miss Circulo Militar do Recife, era eleita nos salões do Sport, Miss Pernambuco de 1966. O concurso pela primeira vez teve sua renda para uma entidade filantrópica, sendo o Lions Club de Boa Viagem, o beneficiado. A apresentação foi de Carmen Towar e Cicero Moraes. Sete jovens participaram do conclave da beleza pernambucana.

alda-raiolanda1
Alda Simonete Maia quando passava a faixa para Raiolanda Castelo Branco (Foto: Arquivo)

A comissão julgadora foi formada por Oswaldo Múcio Vasconcelos, Cid Sampaio, José Ramos Lopes, Fernando Milanez, José Sales Filho, cônsul dos EUA Edward Rowell, Francisco de Paula Acioli Filho e a senhora Célia Ferreira. As candidatas foram Sônia Queiroz (Vitória), Raiolanda Castelo Branco (Circulo Militar), Leda Maria Pontes (Sargento Wolff), Ednalva Lins de Araújo (Caruaru), Leda Helena Martins (Sport), Maria da Conceição Cavalcanti (Líbano) e Vilma Biondi (Universitários).

Mais de cinco mil pessoas prestigiaram o evento que teve a seguinte classificação. Em terceiro lugar ficou Sônia Queiroz, no segundo Leda Maria Pontes e no primeiro Raiolanda Castelo Branco que usou um modelo rosa desenhado por Jurandir e confeccionado por Inês Peixe. Raiolanda tem 1m72, 91cm de busto e 100cm de quadris é carioca e já tinha sido eleita Rainha das Piscinas de Pernambuco.

0

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.