Fernando Machado

Blog

Mendonça Filho inaugura a Fundaj no Derby

 

Mendonça Filho e o cineasta Cacá Diegues (Foto: André Nery)

O Ministro Mendonça Filho vai renunciar o cargo no próximo mês, porém vai deixar uma obra importantíssima para os pernambucanos. Estamos nos referindo à unidade da Fundação Joaquim Nabuco do Derby, reaberta oficialmente ontem, por ele, após três anos de reforma. Pernambuco recebe de volta um complexo de cultura, lazer e educação, que reabre repleto de novidades, após o investimento de R$ 8 milhões do Ministério da Educação. A presidente interina da Fundaj, Ivete Lacerda, destacou o trabalho de equipe e os dias e noites de dedicação integral para que o espaço fosse devolvido ao público.

José Luiz da Mota Menezes, Ricardo e Gracita Brennand, e João Carlos Paes Mendonça (Foto: André Nery)

O Edifício Ulysses Pernambucano retoma as atividades com o incremento de tecnologia de ponta que, entre outras coisas, garante a energia ininterrupta para elevadores e equipamentos de combate a incêndios. Ao mesmo tempo, mantém viva sua história e características originais, com os vitrais feitos pelo arquiteto e artista alemão Heinrich Moser, os trechos de piso em ladrilho cerâmico e diversos outros aspectos contrastantes capazes de retomar a história do seu surgimento, na década de 1930, e que fazem do edifício um Imóvel Especial de Preservação.

Jorge Branco, a deputado Priscila Krause, Mendonça Filho e Taciana (Foto: André Nery)

O público tem à disposição a chegada de novos equipamentos culturais e educacionais como a Escola de Inovação e Políticas Públicas e a Sala de Leitura, somados ao tradicional Cinema da Fundação, que retoma sua arquitetura original, com janelas voltadas para o Rio Capibaribe e jardim interno, dando o devido valor histórico a uma sala completamente modernizada após a reforma.

A jornalista Nádia Ferreira e a presidente da Fundaj Ivete Lacerda (Foto: André Nery)

O Ministério da Educação homenageou seis personalidades com reconhecida contribuição ao desenvolvimento da Educação do país, voltados para a responsabilidade social e cidadania: João Carlos Paes Mendonça, Ricardo Brennand, José Luiz da Mota Menezes, Marco Maciel e o senador Cristóvão Buarque, e Manuel Correia de Andrade (in memorian). Também foram entregues o Prêmio Geneton Moraes Neto de Jornalismo.

0

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.