Fernando Machado

Blog

Jorge José e os Governadores

b-clã-santana-gleyson-ramos

Jorge José e Carmen Peixoto com filhos e netos (Foto: Gleyson Ramos)

O local onde atualmente está instalado o Palácio do Campo das Princesas abrigou o Palácio de Friburgo, prédio residencial e de despachos do conde Maurício de Nassau durante o período das invasões holandesas. O prédio foi construído na Ilha de Antonio de Vaz, no bairro de Santo Antônio. O terreno foi adquirido por Nassau em 1639. As obras foram iniciadas um ano depois e concluídas em 1642. No antigo Palácio de Friburgo, chegaram a residir 33 governadores e capitães gerais de Pernambuco.

b-carmen-peixoto

Carmen Peixoto (Foto: Fernando Machado)

b-margarida-moura-cavalcanti-geralda-farias

Geralda Farias e Margarida Moura Cavalcanti (Foto: Fernando Machado)

O primeiro governante a ocupar o atual Palácio do Campo das Princesas foi Francisco do Rego Barros, sucessor de Vicente Thomaz Pires de Figueiredo. Ele governou a província por duas vezes, de 1837 até 1841 e de 1841 até 1844. O último morador foi Roberto Magalhães (1983/1986). O seu sucessor, Miguel Arraes, passou a usar o prédio para atividades administrativas, jantares e solenidades oficiais. A partir dele, os demais gestores também passaram a usar o espaço para despachos e recepções protocolares.

b-paula-camara-ana-luiza

Paulo Câmara e Ana Luiza (Foto: Fernando Machado)

b-renata-campos

Renata Campos (Foto: Fernando Machado)

Pois foi na Sala das Bandeira, que em 1860, o imperador Dom Pedro II, a imperatriz Theresa Cristina e as filhas do casal, as princesas Isabel e Leopoldina, receberam as autoridades da cidade para uma recepção. Por que Salão das Bandeiras, porque neles repousam os pavilhões de todos estados da federação. O estilo dominante remete aos palácios dos Luíses da França.

b-lara-gustavo-debora-krause

Lara, Gustavo e Deborah Krause (Foto: Fernando Machado)

b-alessandro-carvalho

O secretário Alessandro Carvalho (Foto: Fernando Machado)

O salão é formado por três ambientes, que correspondem aos antigos salões do Palácio Provincial. O primeiro está mobiliado com um sofá, três cadeiras de guarnição, quatro poltronas e três bancos estufados, fazendo conjunto com uma mesa oval de tampo de mármore, onde repousa uma escultura de um leão de bronze. No segundo tem no centro uma mesa entalhada e dourada, além de dois grandes espelhos com moldura também dourada e cinco banquetas em madeira dourada estofadas.

b-andrea-paola-fausto-valeria-freitas-debora-hirschle

Fausto e Valéria Freitas com as filhas Andrea e Paola e a neta Deborah (Foto: Fernando Machado)

b-roberto-magalhães-jane

Roberto e Jane Magalhães (Foto: Fernando Machado)

O terceiro ambiente teve recentemente sua antiga decoração descolada para outro lugar do Palácio, a fim de abrigar uma longa mesa moderna para 24 lugares, com sua respectivas cadeira de guarnição. Arandelas decorativas em estilo Luís XV ornamentam as paredes. Três lustres em bronze e cristal iluminam o salão.

b-geovane-heliane-tenorio

Geovane e Heliana Tenório (Foto: Fernando Machado)

b-janete-freire-ana-paula-freire

Janete Freire e a filha Ana Paula (Foto: Fernando Machado)

Foi neste colossal cenário que o comunicador Jorge José Santana, by Monserrat, à côté Carmen Peixoto em grande noite num modelo de crepe rebordado de vidrilhos numa segunda pele da Fino Trato, lançou o livro Os Governadores de Pernambuco, cujo prefácio é da presidente da Academia Pernambucana de Letras, Fátima Quintas, com passeio pelos governantes de 15 de novembro de 1889 a 31 de dezembro de 2014.

b-joão-lourdinhameirelles

João Meirelles e sua mãe, Lourdinha (Foto: Fernando Machado)

b-gilka-sampaio-angela-mota-eliane-luna

Gilka Sampaio, Angela Mota e Eliane Luna (Foto: Fernando Machado)

Jorge José tem um conjunto de obra que lhe credencia a disputar uma cadeira na Casa Cerneiro Vilela. O mestre de cerimônia foi Glauber Vieira e tivemos três falas: A primeira foi de Jorge José Santana, a segunda de Roberto Magalhães, que falou em nome dos governadores e a terceira a do governador Paulo Câmara. O governador Eraldo Gueiros foi representado pela filha Valéria, o  genro Fausto Freitas, as netas Andrea e Paola, e a bisneta Deborah.

b-tarcisio-regueira-fatima-quintas-isaltino-bezerra

Tarcisio Regueira, Fátima Quintas e Isaltino Bezerra (Foto: Fernando Machado)

b-andre-lucas-santana-flavia-peixoto

André Lucas Santana e sua mãe, Flávia (Foto: Fernando Machado)

O governador Moura Cavalcanti foi representado por sua viúva Margarida Moura Cavalcanti. O próprio governador Roberto Magalhães, e esposa Jane. O governador Gustavo Krause, estava com a mulher Deborah e as filhas Priscila e Lara. O governador José Mendonça Filho foi representado pela filha Ilana. O governador Eduardo Campos foi representado pela viúva Renata Campos.

b-jorge-jose-santana

Jorge José Santana (Foto: Fernando Machado)

1

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.