Fernando Machado

Blog

Educação & Royalties

O jornalista Nelson Cunha contesta que no auge das discussões da perda que o Rio de Janeiro teria com a modificação do critério de royalties para estados produtores de petróleo, vários artistas encabeçaram manifestos indignados, protestando pelo prejuízo que os fluminenses sofreriam.

“Agora, diante do vexatório resultado do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica, que deixou o Rio de Janeiro à frente apenas do Piaui, não vi, até agora, nenhuma indignação de artistas nem famosos pelo descaso com a educação pública! Que tal uma matéria mostrando o desempenho no Indeb das escolas públicas das cidades que mais faturam com os royalties?”, completou.

0

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.