Fernando Machado

Blog

Confetes & Serpentinas

O carnavalesco Cid Cavalcanti cometeu ontem, à noite, uma gafe imperdoável. No euforismo de querer homenagear o escritor Ariano Suassuna, frisou que o bloco O Bonde iria cantar Madeira que Cupim não Rói. Esqueceu de dizer que esse hino carnavalesco foi composto pelo grande compositor Capiba. Coisas de Pernambuco.

Somente amanhã escreverei sobre o Encontro dos Blocos Líricos, no Marco Zero. Sem dúvida o maior espetáculo de lirismo do Carnaval de Pernambuco. Tudo nos levava ao passado.Lembrar de pessoas que partiram, mas que estão sempre presente no nosso reinado de Momo. Foi lindo demais.

0

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.