Fernando Machado

Blog

Categoria Na Sala da Justiça

Eurico de Barros: Novo 1º Vice Presidente do TJPE  

Após mais de quatro décadas em atividades no Poder Judiciário de Pernambuco, onde ingressou como escrivão da justiça, o Desembargador Eurico de Barros Correia Filho foi eleito segunda-feira para a primeira vice-presidência do Tribunal de Justiça de Pernambuco, em sessão do Tribunal Pleno, dirigida pelo presidente, Desembargador Fernando Cerqueira e composta de 51 membros. Ao chegar ao segundo cargo mais importante na direção do TJPE, o Desembargador Eurico evoca seus 51 anos de atividade forense, iniciados em 1970 como escrivão titular do Cartório de Assistência Judiciária da Capital após aprovação em concurso, de onde foi removido para o 1º Cartório dos Feitos da Fazenda da Capital, ficando até 1986.

Eurico e Edina com os filhos Eurico, Ana Claudia e Adriana na sua posse (Foto: Assis Lima)

Após pedir exoneração, ocupou, no intervalo dos três anos, o cargo de Defensor Público em Alagoas e delegado de polícia no Recife até que, em janeiro de 1989, ingressou na magistratura. Em 2007 ascendeu ao cargo de desembargador tendo sido Ouvidor Geral e também Diretor da Escola de Magistratura, ao mesmo tempo em que participou de numerosos cursos de especialização no Brasil e no exterior. É casado com a juíza Edina Maria Brandão de Barros Correia, com quem teve três filhos, Ana Claudia, Adriana e Eurico Brandão, todos os juízes de Direito. Espera colaborar com a gestão do presidente Fernando Cerqueira, apreciando e decidindo, no menor tempo possível, os recursos extraordinários e especiais da competência da 1ª Vice-presidência.

Parabéns, TJPE!

O Tribunal de Justiça de Pernambuco comemora, hoje, 198 anos de instalação. Em razão da pandemia pelo novo coronavírus, a sessão solene este ano será transmitida de forma virtual, às 17h, pelo no link https://youtu.be/9w4Sac7Iq4s. Na programação conferência do ministro Humberto Martins, discurso do presidente do TJPE, desembargador Fernando Cerqueira e a entrega virtual do Diploma de Honra ao Mérito em reconhecimento à atuação de servidores.

E finalmente a entrega das Medalhas da Ordem do Mérito Judiciário Desembargador Joaquim Nunes Machado. Entre os agraciados estão o desembargador eleitoral do TRE-PE, Carlos Gil Rodrigues Filho; o provedor Alberto Ferreira da Costa; Padre Arlindo de Matos Junior; o cantor Alceu Valença, e a vitralista Marianne Peretti.

Na Sala da Justiça

O Tribunal de Justiça de Pernambuco leia-se o presidente desembargador Fernando Cerqueira, analisa recurso interposto pelo Sindicato dos Enfermeiros no Estado de Pernambuco que solicita o fornecimento de equipamentos de proteção aos profissionais de saúde para o trabalho, em época de disseminação do coronavírus (Covid -19). Em decisão, proferida ontem, o relator do agravo interno, desembargador Jones Figueiredo, determina ao Estado, para no prazo de 48 horas, informar ao Judiciário que medidas estão sendo adotadas quanto ao provimento de itens de proteção individual nas unidades de saúde.

Desembargador Jones Figueiredo (Foto: Fernando Machado)

O recurso foi interposto pelo Sindicato em relação à decisão do desembargador Fábio Eugênio Lima, que proferiu liminar para proibir a greve anunciada da categoria no plantão judiciário do último sábado passado. Após as informações concedidas pelo Estado, o desembargador Jones Figueirêdo irá julgar ação interposta pelo Governo de Pernambuco para proibir a greve da categoria dos enfermeiros. O desembargador Jones Figueirêdo destaca, em sua decisão, a legitimidade das reivindicações dos enfermeiros, que solicitam o fornecimento de equipamentos de proteção aos profissionais de saúde para o trabalho, em época de disseminação do coronavírus (Covid -19).

Missa do Tribunal de Justiça

Um dos momentos mais tradicionais na posse das Mesas Diretoras do Tribunal de Justiça de Pernambuco são as celebrações das Missas em Ação de Graças. Não sei até quando vai perdurar esse momento de fé e piedade cristã. Ontem, às 9h, na Ordem Terceira de São Francisco, foi oficiada a missa marcando o início da programação de eventos para a posse da Mesa Diretora do TJPE para o biênio 2020/2022. A cerimônia religiosa, que foi conduzida pelo arcebispo de Olinda e Recife, Dom Fernando Saburido.

O ministro Humberto Martins, o desembargador Fernando Cerqueira, à côté Zulene (Foto: Assis Lima)

Além do desembargador e senhora Fernando Cerqueira, ele ainda não tinha assumido as funções, estavam os integrantes da nova Mesa Diretora, os desembargadores e senhoras Eduardo Paurá, primeiro vice-presidente; Cândido Saraiva, segundo vice-presidente; e Luiz Carlos Figueiredo, corregedor geral de justiça, além do Corregedor Nacional Geral da Justiça, ministro Humberto Martins. A centenária igreja estava lotada, com magistrados e servidores. Coube ao desembargador Fernando Cerqueira fazer a 1ª Leitura. O ministério musical foi do Coral do TJPE, regido por Amilca Aniceto Chalegre.