Fernando Machado

Blog

Categoria futebol

Fan Tokens $FLU

A Socios.com, maior plataforma de engajamento de fãs do esporte do mundo via blockchain, lançou segunda-feira os Fan Tokens $FLU, em parceria com o Fluminense. Como primeira experiência para quem adquiriu os Fan Tokens, será realizado, ainda sem data definida, um encontro entre um dos maiores astros do time, Paulo Henrique Ganso, e fãs torcedores do clube.

Paulo Henrique Ganso astro do Fluminense carioca (Fotos: Mailson Santana)

Ganso é dos dos principais jogadores do time nessa temporada e ocupa atualmente a posição de meio-campo, respectivamente. O jogador vai receber os fãs para tirar fotos, conversar sobre o time e contar curiosidades sobre carreira, futuro e vida fora do futebol.

Adriano, o Imperador!

Ícones do futebol mundial como Aloísio Chulapa, Dejan Petković, Javier Zanetti, Léo Moura e Ronaldo Fenômeno irão participar da série documental, Adriano, Imperador. A produção original Paramount+ que será lançada hoje, com exclusividade no serviço premium de streaming. Além deles, profissionais de outras áreas do esporte, como Massimo Moratti (ex-presidente da Internazionale), familiares de Adriano, como Rosilda Ribeiro, mãe do atleta, e amigos próximos participam do documentário, que relembra a trajetória de vida de uma das maiores lendas do futebol brasileiro por meio de fatos marcantes e polêmicos, narrados pelo próprio atleta.

Dona Rosilda Ribeiro e o filho Adriano (Foto: Divulgação)

Nova produção do VIS América, divisão de estúdios da Paramount, a série documental reúne em três episódios relatos inéditos do atleta, numa conversa franca e genuína na qual revive suas conquistas, suas lutas pessoais, familiares e, acima de tudo, o amor que sempre sentiu pelas suas origens. O documentário, além de trazer a voz do atleta como fio condutor da narrativa, conta ainda com imagens raras do arquivo pessoal da família que foram cedidas pelo próprio Adriano.

Adriano conversando com os amigos (Foto: Instagram)

Do menino que cresceu em uma das maiores favelas do Brasil, a Vila Cruzeiro, no Rio de Janeiro, até se tornar um ídolo do futebol que deixou para trás prestígio, fortuna e um contrato milionário na Europa para poder voltar às suas origens. Conflitos, fama, dinheiro, depressão, humildade, escândalos, carros, mulheres e futebol, todos temas que gravitam em torno do universo polêmico de Adriano, o Imperador, serão abordados.

Estádio José do Rego Maciel

Estádio José do Rego Maciel (Reprodução do Diário de Pernambuco)

Há 50 anos, o presidente James Thorp inaugurava o estádio José do Rego Maciel, no Arruda, com o jogo Santa Cruz 0 x 0 Flamengo carioca, com 57.688 pagantes e uma renda de CR$ 193.834.00. O terreno foi doado pelo Coronel Frederico João Lundgren. E projeto do arquiteto Reginaldo Esteves.

O presidente James Thorp (Foto: Divulgação)

O Santa Cruz jogou com Detinho; Ferreira, Sapatão, Rivaldo e Cabral (Botinha); Erb e Luciano; Cuíca (Beto), Fernando Santana (Zito), Ramón e Betinho.

O jogo foi muito disputado, apesar do placar sem escore (Foto: Divulgação)

E o Flamengo com Renato; Moreira, Chiquinho, Tinho e Wanderlei; Zanata e Zé Mário (Liminha); Vicente (Dionísio), Caio (Ademir)Doval (Fio) e Arilson.

Santa Cruz campeão do Sesquicentenário do Brasil

Há 45 anos, o Santa Cruz era campeão do Sesquicentenário do Brasil e Tricampeão Pernambucano de Futebol de 1972, ao vencer o Central por 4×0, no Campo dos Aflitos. O público foi de 9.840 torcedores e gols foram marcados Betinho (2) e Bita (2). Pela terceira o Recifre se vestia de vermelho, preto e branco.

O Santa Cruz jogou com Detinho; Ferreira, Sapatão, Rivaldo e Cabral; Erb e Luciano; Betinho, Bita, Fernan­do Santana (Zé Carlos) e Givanildo. O técnico era Evaristo de Macedo. O Central jogou com Félix;  Patota, Borges, Juscelino e Bell; João Paulo e Paulo Roberto; Joãozinho, Zito, Moacir e Tchau.

  • 1 2 7