Fernando Machado

Blog

Categoria Esportes

Senna: O Brasileiro Herói

Studio Universal preparou uma surpresa para os fãs e admiradores de Ayrton Senna! No domingo, 21 de março, dia do aniversário do maior ídolo nacional do automobilismo, o canal vai exibir, às 8h, o documentário Senna: O Brasileiro, O Herói, O Campeão. Lançado em 2010, o filme resgata bastidores da vida e da trajetória do piloto na Fórmula 1. Senna ganhou o campeonato mundial três vezes antes de morrer tragicamente aos 34 anos, no dia 1º de maio de 1994, em um acidente após colidir com uma mureta de proteção no Grande Prêmio de San Marino, em Ímola, na Itália.

O inesquecível Ayrton Senna (Foto: Divulgação)

Dirigido pelo britânico Asif Kapadia, o documentário também possui relatos de pessoas próximas a Senna, que conviveram não só nas pistas com ele, como também fora delas. Entre muitos prêmios e indicações, Senna: o Brasileiro, o Herói, o Campeão recebeu as premiações BAFTA de Cinema e do Festival de Cinema de Sundance, na categoria Melhor Documentário. O Studio Universal é o canal de filmes que oferece uma selecionada experiência cinematográfica, com uma variedade de filmes dos maiores realizadores do cinema. Para assistir ao trailer, clique neste link .

Bravo DiMaggio & Brady!

O grande jogador de beisebol Joe DiMaggio (Foto: Divulgação)

Hoje vamos destacar dois mitos norte-americanos nos esportes: o jogador de beisebol Joe DiMaggio e o jogador de futebol norte-americano Tom Drady. Ambos nasceram na Califórnia. Os dois ficaram marcados pelos casamentos. O primeiro foi casado com o Mito do Cinema Marilyn Monroe e o segundo é casado com o Mito das passarelas a brasileira Gisele Bündchen. Di Maggio casou duas vezes e teve apenas um filho Joseph Paul DiMaggio III. O segundo também casou duas vezes e tem três filhos John Edward Thomas, Benjamim Rein Brady e Vivian Lake Brady.

Marilyn Monroe e Joe DiMaggio em 1954 (Foto: Divulgação)

Joseph Paul Joe DiMaggio foi um extraordinário jogador de beisebol eleito para o Hall of Fame em 1955. DiMaggio foi selecionado treze vezes para o All-Star Game, por sinal o único jogador a ser selecionado para o Jogo das Estrelas em todas as temporadas que atuou. Do alto dos seus 1m88 e já aposentado foi o quinto maior rebatedor de home runs na história das grandes ligas. Joe DiMaggio ainda é um dos melhores jogadores de todos os tempos do New York Yankees.

 

O extraordinário Tom Brady (Foto: Divulgação)

Thomas Edward Patrick Tom Brady, Jr., depois de jogar pela Universidade de Michigan foi selecionado pelo New England Patriots, time que defendeu por quase 20 anos. Do alto dos seus 1m93 foi eleito oito vezes o Jogador mais Valioso. Foi selecionado para 14 Pro Bowls e ajudou seu time a conquistar 16 vezes a AFC East, um recorde de títulos de divisão. Ano Passado se transferiu para os Buccaneers e logo no seu primeiro ano com a equipe venceu o Super Bowl LV, sendo o sétimo título na carreira na décima aparição nas finais.

Gisele Bündchen e Tom Brady com os filhos John, Benjamim e Vivian (Foto: Divulgação)

Copa do Mundo de 1950

Há 70 anos, acontecia na Ilha do Retiro, às 14h50, o único jogo da Copa do Mundo de 1950, no Recife. E a partida foi entre o Chile que venceu os Estados Unidos por 5×2. Os gols do Chile foram de Robleto, Prieto (2) e Cremaschi (2) e os dos EUA Wallace e Maca.

A seleção chilena (Foto: O Cruzeiro)

O Chile jogou com Livingstone, Machuca e Alvarez; Busquete, Faria e Rojas; Riera, Cremaschi, Robleto, Prieto e Ibanez. Os EUA com Berghi, Keough e Maca; Mcllveny, Colombo e Bahr; Wallace, Pariani, Guaetjens, Souza I e Souza II.

O selecionado norte-americano (Foto: Diário da Manhã)

Fernando Reis se lembra da mãe

O recordista dos Jogos Pan Americanos na categoria acima de 105 kg do levantamento de peso olímpico, Fernando Reis, tem uma trajetória incrível dentro e fora do esporte. Com mais de vinte anos de carreira e 6 medalhas de ouro em competições representa o Brasil em vários lugares do planeta. Sua mãe, Silvia Reis, esteve sempre presente em sua vida.

Silvia Reis e o filho Fernando (Foto: Divulgação)

Fernando passou por diversas modalidades que são oferecidas dentro do Esporte Clube Pinheiros, em São Paulo, como judô, futebol e saltos ornamentais. Mas a paixão pelo levantamento de peso começou aos 10 anos, quando o irmão mais velho Horacio Saraiva, praticava o esporte. O então técnico, Edmilson Dantas, chamou o Fernando para treinar. Fernando conquistou o mundo com a sua dedicação e amor ao esporte.

  • 1 2 4